Governo do Estado veta retorno do futebol em Minas

Paulo Vitor Souza 

O futebol mineiro terá de aguardar novo posicionamento do governo de Minas para um possível retorno. O protocolo de volta das atividades, apresentado por comissão que envolvia três clubes da capital, foi rejeitado pelo Comitê Estadual de Enfretamento ao novo coronavírus.

Em decisão divulgada há pouco, a Secretaria de Estado de Saúde (SES MG) argumentou que nenhum protocolo seria adequado no momento, tendo em vista a escalada de casos e mortes pela doença em MG. A secretaria também declarou que uma melhora no panorama estadual pode ocasionar reavaliação na situação do futebol em todo o Estado.  O pedido apresentado partiu de uma comissão formada por preparadores técnicos, Federação Mineira de Futebol (FMF) e três clubes da capital.

Leia comunicado na íntegra: 

"O Centro de Operações de Emergência em Saúde de Minas Gerais (COES-MG) avaliou os protocolos apresentados pela Federação Mineira de Futebol (FMF) e pelos times mineiros, e que solicitava o retorno às atividades do futebol para o Campeonato Mineiro. Diante de um panorama com piora da situação epidemiológica e assistencial, em que, inclusive, foi recomendado o retorno de todos os municípios que aderiram a Deliberação do Comitê Extraordinário COVID-19 nº 39 de 29 de abril de 2020 (Plano Minas Consciente) para a onda verde, a avaliação feita foi de que nenhum protocolo seria adequado ao momento. Havendo uma melhora do panorama epidemiológico e assistencial os protocolos serão reavaliados para que a atividade seja retomada com segurança a vida dos envolvidos. A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) entende a importância do futebol e do esporte na vida do brasileiro, mas nenhum protocolo seria adequado ao momento."

Comentários
×