Governo alerta para uso inadequado de antibiótico

 

Da Redação 

É comum encontrar quem teve uma infecção que precisou ser tratada com antibiótico e, ao primeiro sinal de melhora, interrompeu o tratamento. Porém, o uso desse tipo de medicamento requer cuidados. As informações são do Ministério da Saúde.

Os antibióticos são utilizados para combater infecções provocadas por microrganismos. Porém, o uso inadequado desses medicamentos, como a interrupção antes do prazo ou sem indicação médica, pode trazer uma série de problemas para a saúde do paciente e a da população em geral.

– Antibiótico é um medicamento que deve ser tratado com muito cuidado. Ele só é vendido com prescrição médica, mas o grande problema hoje é a interrupção do tratamento – alerta o secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Marco Antonio Fireman.

 Resistência ao antibiótico 

À medida que o paciente usa esse tipo de medicação inadequadamente, os microrganismos criam resistência aos mecanismos de ação dos antibióticos, porque as bactérias que ainda estão vivas aprendem como se defender deles. Quando é necessário utilizar a medicação novamente, as bactérias já estão preparadas e o medicamento e não faz mais efeito. Então, é necessário mudar para outro antibiótico e o ciclo se repete até que não sobre mais opções de tratamento.

Por isso, a Organização Mundial da Saúde propôs uma série de iniciativas, entre elas a “Semana Mundial de Conscientização para o Uso Racional de Antibióticos”, de 13 a 19 de novembro.

O Ministério da Saúde do Brasil, além de apoiar iniciativas para esclarecer a população da importância do uso adequado de antibióticos, entrou em um esforço global para financiar linhas de pesquisa para o desenvolvimento de antibióticos com novos mecanismos de ação para combates aos microrganismos que desenvolveram resistência.

– No Brasil e no mundo, existem poucos mecanismos de atuação desses antibióticos. É uma questão que está na pauta dos principais organismos de pesquisa do mundo. Estamos trabalhando em conjunto com os Estados Unidos para um possível edital de pesquisa nessa área para fomentar a descoberta de novos mecanismos de ação dos antibióticos – revela Fireman.

A recomendação para quem está em tratamento com antibiótico é seguir as recomendações do médico e tomar a medicação por todo o tempo prescrito na receita.

 

Comentários
×