Fred comanda vitória sobre o América e Cruzeiro aumenta vantagem nas semifinais

José Carlos de Oliveira                                                                                          

O Cruzeiro venceu o clássico contra o América na tarde deste domingo, no confronto de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, Módulo I. O jogo foi disputado na Arena Independência, mando de campo do Coelho, com vitória celeste por 3 tentos a 2. Os gols da partida foram marcados por Fred, três vezes, para o Cruzeiro, com Diejo Jussani e Jonatas Belusso descontando para o América.

Agora, a Raposa pode até perder a partida de volta, marcada para o próximo sábado, 6 de abril, às 19h, no Mineirão, por um gol de diferença, que mesmo assim se classifica para a final do estadual. O América terá que vencer a partida de volta por 2 ou mais gols de frente.

O adversário de Cruzeiro ou América na final do estadual sairá do confronto entre Atlético e Boa Esporte, que fazem a segunda partida no Mineirão, no domingo às 16h. No duelo de ida, empate em 0 a 0 em Varginha, e quem vencer no fim de semana vai para a decisão. Por ter feito melhor campanha na fase de classificação, o Atlético joga pelo empate para ir à final.

Mas antes de se preocupar com o América, no sábado, o time estrelado volta suas atenções para a Copa Libertadores 2019, onde tem jogo marcado para a quarta-feira, às 21h30, no Equador, contra o Emelec, em duelo válido pela terceira rodada do grupo B do torneio continental.

Detalhes da Partida

Jogo: América 2 x 3 Cruzeiro

Motivo: Partida de ida das semifinais do Campeonato Mineiro 2019, Módulo I

Data: 28/03/2019 (domingo) - Local: Arena Independência, em Belo Horizonte - Árbitro:  Marcelo de Lima Henrique - Público: 6.746 - Renda: R$ 99.035,00

Gols: Fred aos 17 minutos do primeiro tempo; Fred aos seis minutos, Diejo Jussani aos 12, Fred aos 25 e Jonatas Belusso, aos 38, do segundo tempo.

América: Fernando Leal; Ronaldo, Diego Jussani, Paulão e João Paulo, Zé Ricardo, Christian, Matheusinho (França) e Felipe Azevedo (Neto Berola); Júnior Viçosa e Marcelo Toscano (Jonatas Belusso). Técnico: Givanildo Oliveira

Cruzeiro: Fábio; Orejuela, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Robinho, Rafinha (Vinícius Popó) e Marquinhos Gabriel (Jadson); Fred (Sassá). Técnico: Mano Menezes

Cartões amarelos: Robinho, Orejuela, Egídio (Cruzeiro); França (América)

Comentários
×