Final da Libertadores será em jogo único a partir de 2019

José Carlos de Oliveira

A Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) comunicou, na tarde desta sexta-feira, o que já esperado há algum tempo: a Libertadores terá final em jogo único a partir do próximo ano. A partida será disputada em um sábado, em local que ainda será definido pela entidade. A edição de 2018 será a última com a decisão em jogos de ida e volta.

– Mais que uma partida, este será um grande evento esportivo, cultural e turístico que trará grandes benefícios para o futebol sul-americano, seus clubes e afiliados – disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

A definição foi aprovada de forma unânime pelo conselho da entidade, que ressalta os ganhos financeiros para os finalistas. Os clubes devem receber, além dos prêmios tradicionais já programados – e que, no caso da edição de 2019, ainda serão definidos –, US$ 2 milhões adicionais, além de 25% do faturamento com a venda de ingressos.

Comentários
×