Fiemg sedia posse e primeira reunião do Conselho de Desenvolvimento de Divinópolis

Objetivo é oferecer ao Executivo propostas para a criação de oportunidades no município

Da Redação

O Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico Sustentável de Divinópolis (COMDES) tomou posse na manhã de hoje, 22, e realizou a primeira reunião de trabalho na Sede da Fiemg Regional Centro-Oeste. Estiveram presentes alguns membros e suplentes, representando os demais conselheiros, que, em função das medidas de distanciamento social, acompanharam e foram empossados via web.

Como prevê a lei já aprovada, o presidente do Conselho será o secretário de Desenvolvimento do Município, cargo atualmente ocupado por Rafael Nogueira. O presidente da FIEMG Centro-Oeste, Eduardo Soares, foi eleito vice-presidente do COMDES, com votação unânime.

Presidindo a primeira reunião, Rafael Nogueira esclareceu dúvidas sobre o estatuto e destacou a importância do COMDES como ferramenta de assessoramento ao prefeito na busca por oportunidades de desenvolvimento.

— O Conselho conta com representantes de vários setores da sociedade e essa representação ampla é importante para ouvir várias opiniões e traçar um bom caminho de crescimento para a cidade — afirmou o secretário.

Com um viés focado no desenvolvimento e infraestrutura, o COMDES será divididos em três bancadas, com sete representantes cada: Bancada do Poder Público, Setor Produtivo e Sociedade Civil, com membros indicados pelo Prefeito, Legislativo Municipal, entidades de classe, universidades, empresários, trabalhadores, associações, dentre outras.

Em seu pronunciamento, o presidente da Fiemg destacou a importância da participação e envolvimento de todas as entidades e segmentos da sociedade na condução das decisões do conselho.

— O COMDES é um marco para Divinópolis, é a modernização do modelo de gestão, mas, é importante que possa contar com todos seus pares, para alcançar o resultado esperado, que é a pujança da economia da cidade — enfatizou Eduardo Soares.

O conselho se difere dos demais já existentes uma vez que é um órgão colegiado consultivo e deliberativo, de assessoramento ao Poder Executivo Municipal.

— O que propomos com esse conselho é uma gestão colaborativa com o Prefeito; é uma forma de administração moderna, que ouve a voz da cidade. Temos convicção de que será um marco na história de Divinópolis — enfatizou.

O projeto de lei foi que instituiu o conselho foi desenvolvido pelas entidades do Grupo Gestor, com apoio e contribuição do Sebrae-MG e aprovado com votação unânime na Câmara de Vereadores no último dia 18 de novembro.

Comentários
×