Feriados prolongados são a tônica de 2020

Jorge Guimarães

Em 2019 não foram muitos, mas, para a alegria dos trabalhadores e tristeza principalmente dos lojistas, no próximo ano, o número de feriados prolongados vai dobrar e chegar a nove. Isso sem falar nos recessos municipais, como o aniversário de Divinópolis, em 1° de junho, que, no próximo ano, cai em plena segunda-feira, último dia das comemorações dos 50 anos da Divinaexpo. Outro feriado municipal é em 8 de dezembro, dia de prestar homenagens a Nossa Senhora da Imaculada Conceição, que é a padroeira da Cidade do Divino. Neste ano, a data cairá em um domingo, e em 2020 será na terça-feira.

Início

Sem contar com 1º de janeiro, o Carnaval vai ser o primeiro feriado prolongado de 2020, com a terça-feira gorda caindo no dia 25 de fevereiro. O mês de março vai passar em branco, mas, em abril, serão dois feriados: um prolongado, que é a Sexta-Feira da Paixão, no dia 10, e o de Tiradentes, dia 21, terça-feira. Isso só para começar o ano.  

Fim de semana

Assim, quem fica de olho na folhinha para ver quantos dias estão marcados de vermelho e contando os dias para os feriados prolongados, pode comemorar e se programar para quando 2020 chegar. Várias folgas vão cair numa quinta ou terça-feira, o que significa que, com o jeitinho brasileiro, muitos vão “emendar” o fim de semana. Quem fica prejudicado nesta história é o comércio das cidades que não são polos turísticos, a maioria neste Brasil afora.

— Por sabermos das dificuldades que acontecem quando a cidade fica vazia, nós temos que traçar estratégias o quanto antes. Pois muitas pessoas de cidades vizinhas chegam à cidade para fazer compras — conta a empresária Cláudia Silva.

Viagens

A comerciante Bianca Mariano viaja vez ou outra, de preferência, para as praias capixabas, como todo bom mineiro. Mas também tem ocasiões que abdica das viagens para ficar em casa e resolver pendências pessoais.

— Feriados, ainda mais os prolongados, sempre são bem-vindos, mas tem certas horas que prefiro ficar em casa mesmo, cuidando do que será o meu dia a dia — disse.

Turismo

No entanto, há quem enxerga 2020 com bons olhos: as agências de turismo, que veem as demandas crescer mais que nos feriados isolados. Nem mesmo a alta do dólar nas últimas semanas, fechando na casa dos R$ 4,20, está afugentando os clientes, como informou a gerente administrativa de uma empresa do ramo, Fabiana Gomes, à reportagem.

— Já estamos vendendo pacotes internacionais para 2020. Dentre eles, os destinos são Turquia, Grécia e Portugal, e, mesmo com a alta do dólar, estamos fechando grupos dentro da normalidade para o período. Outro destino nosso de bastante sucesso, mas este sendo turismo interno, é a Pousada do Rio Quente, que no próximo ano vamos fazer em dois meses, abril e maio – detalhou a gerente.

Comentários
×