Feriado nas estradas da região termina sem mortes

 

Anna Lúcia Silva

O resultado do feriado prolongado nas estradas da região foi positivo, na visão do comando da 7ª Companhia de Polícia Militar Rodoviária (PMR), divulgado nesta quarta-feira, 6. A “Operação Carnaval” 2019 começou no 1º de março e  se estendeu até o dia 6.  

De acordo com informações do comandante da 7ª Cia PMR, major Alexsander de Oliveira Silva, foram registrados nove acidentes a mais que o mesmo período do ano passado, entretanto, não houve nenhum acidente com vítimas fatais, como no ano anterior, quando foram registradas três mortes no período festivo.

A Companhia é responsável pela fiscalização de 45 rodovias do Centro-Oeste do Estado, o que equivale a 2.028 quilômetros de malha viária. Um efetivo com mais de 80 policiais trabalhou nos dias de operação.

O relatório descreve a ocorrência de 29 acidentes, sendo que, destes, dez não tiveram vítimas. Nos outros 19, os envolvidos tiveram ferimentos e escoriações diversas, sem nenhuma vítima fatal. No comparativo com o mesmo período de 2018, houve um acréscimo de nove acidentes, contudo, em 2018 foram registrados três ocorrências com vítimas fatais, como detalha o comandante.

— A não ocorrência de acidentes com vítimas fatais é um fator de extrema importância, já que nosso objetivo é a preservação da vida. No que diz respeito ao aumento de acidentes nas vias, reforçamos, mais uma vez, que se deve à imprudência dos condutores em relação à velocidade da via, nas ultrapassagens não permitidas pela sinalização, o excesso de confiança na direção sob chuva, dentre outros fatores que são essenciais para o tráfego seguro dos veículos.

Principais causas

A Polícia Militar Rodoviária destaca que as principais causas dos acidentes estão relacionadas com imprudência dos condutores em pista molhada. Há, ainda, o agravo do excesso de velocidade nas vias.

Foram realizadas 356 operações, 124 condutores foram submetidos ao teste de etilômetro, e, destes, cinco foram presos por embriaguez. Foram flagrados 302 veículos em excesso de velocidade pelos radares móveis e, ainda, nove pessoas foram presas durante as operações por uso ou tráfico de drogas.

Ao todo, 5.662 veículos foram abordados e fiscalizados pelos policiais rodoviários, sendo 52 removidos por falta de Licenciamento Obrigatório.

Comentários
×