Felipão não é mais técnico do Cruzeiro

Treinador sai em meio aos problemas internos e externos do clube

Bruno Bueno

Luis Felipe Scolari, o Felipão, não é mais técnico do Cruzeiro. A decisão foi tomada nesta segunda, 25, em meio aos problemas não resolvidos de salários atrasados e também das incertezas quanto à montagem do elenco para 2021.

O treinador foi contratado em outubro do ano passado, após a demissão de Ney Franco, logo depois do empate com o Oeste por 0 a 0. Mas o acerto não foi fácil. Primeiro, descartou a possibilidade. Assim, o Cruzeiro tentou Lisca, Umberto Louzer e Marcelo Chamusca. De todos, ouviu não.

Felipão disputou 21 partidas, conseguindo nove vitórias, oito empates e quatro derrotas. O Cruzeiro divulgou uma nota oficial agradecendo o treinador.

— O Cruzeiro agradece e reconhece todo o trabalho, dedicação e profissionalismo de Felipão e seu staff para com o Clube neste momento importante, e deseja toda sorte e felicidade ao técnico campeão do mundo e sua comissão — afirmou.

Comentários
×