Famílias afetadas pela Covid-19 recebem cestas básicas digitais

Da Redação 

A pandemia do coronavírus afeta vários setores da sociedade e, consequentemente, chega a diversas pessoas. Muitas famílias afetadas perderam toda a renda e não têm nem o que comer. E foi pensando nelas que o projeto Fazendo Arte em parceria com a Gerando Falcões e o Instituto Grito distribuíram 412 cestas básicas digitais para famílias carentes de Divinópolis. A Nestlé fez doações e os kits de produtos são entregues com as cestas. É entregue um cartão com crédito de R$ 300, dividido em três parcelas.

Fome 

Em Divinópolis, a realidade também é dura. A coordenadora do projeto, Lenir de Castro, revela que o grupo vai a lugares onde a fome é real. 

— São muitas famílias passando necessidades e estamos doando  esse cartão para auxiliar neste momento de extrema urgência. A Gerando Falcões é uma ONG que acolhe o Fazendo Arte e juntos podemos ser mais. Com este benefício, as famílias podem comprar nos supermercados os itens de necessidade para suas casas — revelou Lenir de Castro.

Ponte 

A Gerando Falcões trabalha como ponte, por meio de uma rede com as ONGs conveniadas, enviando cestas básicas digitais para serem distribuídas às famílias mais vulneráveis.

— Entregamos o cartão para diminuir o risco de contágio e conseguir escalar essa iniciativa mais rapidamente, para  que possam ser usados como alimentação e refeição para as pessoas montarem as suas cestas — explicou Lenir.

Além das cestas digitais, a Nestlé disponibilizou doações de uma tonelada de produtos para o Instituto O Grito e o Fazendo Arte foi beneficiado também.  As famílias recebem os cartões e os kits (bolachas, biscoitos, chocolates e leite) também são entregues.  

Paulista 

A Gerando Falcões é uma organização social de São Paulo que atua dentro de estratégia de rede, em periferias e favelas. Os projetos da organização social beneficiam esporte e cultura para crianças e adolescentes e qualificação profissional para jovens e adultos.

Com esta missão, o projeto Fazendo Arte é um braço da Gerando Falcões na cidade.  O Fazendo Arte tem a proposta de inclusão sociocultural de jovens de nove a 18 anos desde 2002. A gestão é da Associação Cultural de Educação Social e Artística (Acesa), além de ter o apoio da Prefeitura de Divinópolis, por meio das secretarias municipais de Cultura e de Educação, Centro Diocesano de Divinópolis, Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). 

Comentários
×