Executivo e Câmara divulgam nota de repúdio à fala do prefeito de Lavras

Da Redação 

A Prefeitura de Divinópolis e a Câmara divulgaram nesta sexta-feira, 24, nota de repúdio à fala do prefeito de Lavras.

Veja os documentos na íntegra.

Prefeitura:

"O povo de Divinópolis, através de seu prefeito, Galileu Teixeira Machado, vem a público manifestar seu desagravo à fala leviana e irresponsável do prefeito da vizinha cidade de Lavras (MG), publicada nas redes sociais, em que incita a população de sua cidade a evitar Divinópolis e até mesmo o absurdo de evitar o contato com qualquer divinopolitano.

Lamentavelmente, não há cidade, bairro ou rua do mundo hoje que não esteja sob a ameaça dessa pandemia. Mas, aqui em Divinópolis, tratamos o problema de frente, com o rigor técnico e com uma visão humanitária. Não concordamos com ninguém que seja que tente justificar alguma situação buscando uma atitude preconceituosa.

Certo de que tal postura não representa, em nenhum momento, a posição sempre amiga do povo lavrense, lamentamos que atitudes como essa evidenciem o despreparo para um momento em que os municípios, contrariando o que foi dito pelo Prefeito, mais deveriam buscar a união em defesa da vida de nossos cidadãos, todos filhos de um mesmo Estado e quem sofrem da mesma dura realidade.

Polo de uma região com cerca de 1,4 milhão de mineiros, Divinópolis tem como uma de suas principais virtudes o respeito a todos. Continuaremos a nos relacionar com a população da querida cidade de Lavras. Tal atitude não impedirá que as portas da cidade do Divino continuem abertas a todos os lavrenses, assim como acreditamos que seremos sempre bem recebidos pelo povo deste importante município mineiro. Mais que interligados, por rodovias, economia, cultura e laços familiares de nossos moradores, Divinópolis e Lavras estão unidas pela construção de uma Minas Gerais melhor para todos".

Câmara:

"Como presidente da Câmara de Vereadores de Divinópolis, honro os interesses da minha cidade e estou ciente da minha responsabilidade à frente do Poder Legislativo. Digo isso porque sei, mesmo em um momento de dificuldades, inseguranças e uma Pandemia que afeta a todos, do trabalho diário da nossa população.  

Diante disso, é lamentável que um agente político, um prefeito eleito com o voto popular, instrumento fundamental do Estado democrático de Direito, possa insinuar por meio de vídeos postados em redes sociais qualquer tipo de atitude contrária e prejudicial frente ao povo e a economia (em especial, nosso Polo Confeccionista) uma cidade irmã.

Divinópolis e Lavras têm perfis parecidos. São municípios progressistas, referências de trabalho e evolução ao longo do tempo. Mas da mesma forma que a pandemia do coronavírus se torna um desafio para nós, também temos certeza que em Lavras, as autoridades locais sabem da responsabilidade que lhe caem sobre os ombros. Não é hora para alarmismos e falas de desrespeito.  

Dito isso, nós do Poder Legislativo de Divinópolis, reafirmamos que não há espaço para discursos gratuitos, rasos e recheados de despropósitos e preconceitos. Nossa cidade, população, empresariado e autoridades de saúde, que tanto tem se sacrificado e trabalhado pelo pleno restabelecimento diante dessa Pandemia exigem respeito. Manifestações como a do senhor José Cherem são ofensivas, do ponto de vista da cordialidade e do trabalho, e têm de ser repelidas como toda a indignação possível pelas nossas autoridades.

Rodrigo Kaboja | Presidente da Câmara Municipal de Divinópolis

Mesa Diretora".

Comentários
×