Etanol volta a registrar queda nos preços em Divinópolis

Pablo Santos

O etanol registrou queda de preços na última semana nos postos de Divinópolis. O litro do combustível também assinalou retração na maioria dos estados do Brasil, de acordo Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). De novembro para janeiro, o declínio foi de 2,9% na cidade.

De acordo com a ANP, de uma semana para outra, o declínio foi de 0,35%. O litro médio na cidade do etanol foi de R$ 3,058 na semana de 13 a 19 janeiro. Já na semana de 20 a 26 de janeiro o litro estava cotado, em média, a R$ 3,047.

Em dezembro, o litro estava custando nas bombas de combustíveis da cidade:

R$ 3,068. Em novembro, o litro do derivado da cana de açúcar era cotado a R$ 3,138.

Atualmente, no menor preço em Divinópolis, o litro custa R$ 2,899 e, no maior, R$ 3,099, de acordo com os dados da ANP.

Brasil

Os preços do etanol recuaram nos postos de 14 Estados brasileiros e no Distrito Federal na semana passada, segundo ANP. Em 10 Estados houve alta; no Rio Grande do Sul, ficou estável e, no Amapá, não foi feita avaliação.

Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP houve queda de 0,85% no preço do etanol na semana passada, para R$ 2,8200.

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação média do hidratado também recuou 1,25% sobre a semana anterior, de R$ 2,6360 para R$ 2,6080 o litro. Goiás registrou maior recuo porcentual no preço do biocombustível na semana passada, de 3,08%, e a maior alta, de 2,29%, foi no Piauí.

Na comparação mensal os preços do etanol subiram em 7 Estados: Acre, Alagoas, Maranhão, Pernambuco, Piauí. Rio de Janeiro e Rondônia, com recuos nas outras Unidades da Federação. No Amapá não houve avaliação.

Na média brasileira, o preço do etanol pesquisado pela ANP acumulou baixa de 1,17 na comparação mensal. A maior queda nos preços do biocombustível no período, de 6,41%, foi nos postos de Goiás. A maior alta, de 9,76%, ocorreu no Rio de Janeiro.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 2,2280 o litro, em São Paulo, e o máximo individual ficou de R$ 4,949 o litro, no Rio Grande do Sul. São Paulo mantém o menor preço médio estadual, de R$ 2,6080 o litro, e o maior preço médio ocorreu nos postos do Acre, de R$ 4,021 o litro.

Comentários
×