Etanol cai até 7% nos postos da cidade

 

Pablo Santos

O preço do etanol hidratado nos postos em Divinópolis caiu 2,5% no mês passado. A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) confirmou também declínio de 7% de maio para junho. O valor ainda caiu em 19 estados.

De acordo com os dados, o litro do combustível fechou na última semana de junho a R$ 3,04, em média. Na primeira semana do mês passado, o litro do derivado estava cotado a R$ 3,12, em média, representando queda de 2,5%, apontou a ANP.

Em maio deste ano, o litro do etanol na cidade atingiu o seu maior valor. De acordo com a ANP, chegou a custar R$ 3,27, em média. Comparando maio com a última semana de junho, a redução foi de 7,03%.

O valor do etanol em junho do ano passado estava cotado a R$ 3,16, preço maior quando comparado com o mesmo período 2019.  Confrontando os dois períodos, o litro do combustível derivado da cana de açúcar caiu 3,79%, segundo os dados da ANP. 

 Brasil

Os preços médios do etanol hidratado recuaram em 19 estados do país e no Distrito Federal na semana passada, segundo os dados. Houve alta em seis estados e no Amapá não foi feita avaliação.

Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP, houve recuo de 0,89% no preço médio do etanol na semana passada ante a anterior, de R$ 2,803 para R$ 2,778. Em São Paulo, foi registrada baixa de 1,39% no período, e a cotação média do hidratado variou de R$ 2,593 para R$ 2,557 o litro.  A maior queda semanal, de 2,19%, foi na Bahia, e a maior elevação, de 1,23%, foi em Alagoas.

Ainda de acordo com a ANP, na comparação mensal, os preços do etanol recuaram em 23 estados e no Distrito Federal e subiram apenas na Paraíba e em Tocantins. Na média brasileira o preço do biocombustível pesquisado pela ANP acumulou baixa mensal de 5,70%, com destaque para Mato Grosso, maior recuo individual, de 7,70% no período.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 2,159 o litro em São Paulo, e o menor preço médio, de R$ 2,436, no Mato Grosso. O valor máximo individual, de R$ 4,970 o litro, foi encontrado em um posto do Pará, e o Rio Grande do Sul registrou o maior preço médio, R$ 4,116 o litro.

 

Comentários
×