Estrutura do hospital de campanha é finalizada

 
Da Redação 
 
O hospital de campanha está recebendo os últimos detalhamentos e estará apto para receber pacientes na próxima segunda-feira, 13. A Prefeitura de Divinópolis divulgou detalhes do centro de atendimento: com o total de 40 leitos, destes, 20 destinados para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 20 para pacientes em observação. O hospital está localizado no estacionamento da UPA Padre Roberto, para o atendimento de infectados do coronavírus.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), a estrutura conta com 10 contêineres para tratamento dos pacientes, um para estoque de equipamentos, um gerador elétrico, equipamentos para o esgotamento sanitário, bombas de infusão e materiais de limpeza. Toda a estrutura está dentro das normas do Ministério da Saúde.

O hospital temporário dispões de inúmeros equipamentos médico-hospitalares, como respiradores, soros, monitores multiparâmetros, álcool, capotes, seringas e esparadrapos. Estarão disponíveis também, agulhas, catéteres, algodão, luvas, máscaras, além de mais de 8 mil insumos médicos como ceftriaxona, dipirona e paracetamol.

Ao todo serão 79 profissionais que prestarão serviços no hospital de campanha. Destes, 40 são técnicos de enfermagem, 16 médicos intensivistas, oito enfermeiros e oito auxiliares de serviços. Vão compor também a equipe dois agentes administrativos, dois fisioterapeutas, um psicólogo, um coordenador médico e um coordenador geral.

O secretário Municipal de Saúde, Amarildo Sousa, comentou a importância da liberação de atendimentos no local.

— Estamos enfrentando uma situação de emergência em saúde, nossa maior preocupação é a população. O hospital de campanha é mais um aliado neste momento. A construção deste centro de apoio aos pacientes estará disponível em alguns dias, mas a luta não acaba. É preciso que todos cumpram as diretrizes estabelecidas — destacou.
Comentários
×