Estados afetados pelas chuvas terão recursos do governo federal

Da Redação

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), esteve em Minas Gerais ontem e divulgou, ao lado do governador Romeu Zema (Novo), que enviará R$ 1 bilhão para obras em cidades que foram atingidas pelas chuvas nos últimos dias. O anúncio foi feito durante uma coletiva de imprensa, na qual também estavam presentes prefeitos, deputados e ministros. Fizeram parte da comitiva presidencial os ministros Fernando Azevedo e Silva (Defesa), Gustavo Canito, (Desenvolvimento Regional), Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura), Osmar Terra (Cidadania), Luiz Henrique Mandetta (Saúde), Marcelo Álvaro Antônio (Turismo), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional).

De acordo com a Defesa Civil Estadual, mais de 100 municípios mineiros tiveram situação de emergência decretada em decorrência dos estragos causados pela chuva e pelo mau planejamento urbano. No Centro-Oeste Mineiro, as cidades de Pará de Minas, Santo Antônio do Monte e Pains emitiram decreto em nível municipal; já Oliveira, Itapecerica e Igaratinga, em nível federal.

A medida vale de 90 a 180 dias e tem como objetivo tornar as ações de recuperação dos estragos e auxílio à população mais céleres. Com os decretos, os prefeitos ficam isentos de fazer processos licitatórios para a compra de materiais. O Diário Oficial da União publicou, na última terça-feira, 28, os decretos de situação de emergência de 54 cidades. Todos os órgãos estaduais estão autorizados a atuar nos trabalhos, sob coordenação da Defesa Civil do Estado.

Mortes

Em Divinópolis, apesar de duas mortes confirmadas em decorrência da chuva do dia 24 de janeiro. Um idoso, de 62 anos e uma idosa de 81, não houve maiores danos. Por isso, a cidade não decretou estado de emergência.

Doações

Segundo a Defesa Civil, 53.188 pessoas tiveram que deixar as suas casas no estado, sendo 44.929 desalojadas e 8.259 desabrigadas. Em caráter de urgência, autoridades pedem doações de água mineral, alimentos não perecíveis, produtos de limpeza, produtos de higiene pessoal, fraldas, cobertores e roupa de cama. As doações podem ser entregues em todo o estado em qualquer unidade dos Bombeiros e da Polícia Militar.

Comentários
×