Especial Mães: Divinopolitana faz sucesso na internet com relatos sinceros sobre criar um filho

Ricardo Welbert 

Mães que usam a internet para compartilhar com o mundo as alegrias da gestação, do parto e da criação dos filhos é o que mais tem por aí. Em Divinópolis, uma jovem vai além. Ela mostra que nem tudo são flores no dia a dia de alguém que passa a ter a vida programada de acordo com os gostos e desejos do pequeno ser.

Júlia Carrilho tem 28 anos, é formada em direito e casada há dois anos com o padeiro Tiago Amaral, de 32. Eles são os pais de Tales Carrilho Amaral, de 1 ano.

Quando souberam da gravidez, usaram as próprias páginas em redes sociais para informar aos amigos sobre os preparativos para a chegada do filhão. O retorno do público foi intenso, com muitas manifestações de ansiedade por notícias do parto.

Logo o casal concluiu que o melhor seria criar uma página que centralizasse o que quisessem contar. Criaram, então, a “Coisas e Tales” no Facebook. 

Vida real

A meta audaciosa é de deixar claro aos pais de primeira viagem que o futuro que lhes espera não é tão colorido quanto pintam os comerciais de brinquedos e sabão em pó.

— Sempre achei que eu fosse arrasar como mãe. Era o que eu esperava, porque já tinha passado por um tipo de “treinamento” em casa, trocando as fraldas de muitas crianças. Mas quando o Tales chegou, descobri que não é bem assim. Deparar com situações que pareciam insuperáveis é muito frustrante. A gente tem que aprender a ser mãe o tempo todo — explica.

Apaixonada pela escrita, Júlia viu na página o melhor lugar para desabafar sobre as dificuldades de mãe.

— Quando o filho nasce, não nasce uma mãe junto. Essa mãe vai se construindo aos poucos. Ao mesmo tempo em que você está radiante com alguma descoberta do filho, você já se desespera e chora junto com ele — conta Júlia.


Uma das dicas que a mãe de primeira viagem mais gostou de compartilhar está em uma frase que ela ouviu de uma amiga.

— O Tales demorou nove meses para ficar pronto. Então, nada mais justo que eu demore pelo menos nove para ser uma mãe pronta — diz ela, rindo como se fosse a primeira vez que dissesse isso.

Com publicações em ritmo quase diário, a página “Coisas e Tales” atualiza os seguidores com textos, fotos e vídeos que retratam a evolução de Tales — desde o barrigão da mamãe até o sorriso farto que o menino adora exibir.

A publicação mais recente (em verificação feita às 19h30 de ontem) mostra Tales brincando no jardim da vovó. Mas também tem ele em balanço, banco de praça e até se aventurando em uma trilha rumo a uma cachoeira — onde ele também aparece distribuindo fofura.


Algumas imagens divulgadas na página


 

Comentários
×