Empresário é preso por estelionato em Divinópolis

Da Redação

Em operação da Polícia Civil, um empresário divinipolitano foi preso hoje acusado de estelionato. Ele é suspeito de usar nome de laranjas na compra da Droga Farma, na Rua Goiás, no Centro.

O empresário usava a empresa para aplicar golpes em fornecedores e funcionários. Ele realizava falsos pedidos para obter mercadores de baixo custo, se afiliando ao programa do governo federal Farmácia Popular.

A farmácia Droga Farma foi fechada após inúmeros golpes e o suspeito fugiu sem pagar fornecedores e funcionários.

O empresário também é suspeito em outros casos de estelionato envolvendo outras farmácias nas cidades de Pará de Minas e Teófilo Ottoni. Ele foi preso, e se encontra no presidio Floramar, após investigações da Polícia Civil apontarem seu envolvido nos golpes. O Ministério Publico acompanha o caso.

Mais informações em breve.

Comentários
×