Eleitores com deficiência devem informar condição ao TRE

 

Pollyanna Martins 

Os eleitores com deficiência ou dificuldade de locomoção devem informar a sua condição ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) até o dia 9 de maio, para serem transferidos para seções com acessibilidade. De acordo com o tribunal, em Minas Gerais, entre as 50.381 seções de votação, 2.723 são seções especiais, que não possuem escadas ou barreiras. 

Conforme informou o TRE, das 81 seções de Divinópolis, 77 são adaptadas. Segundo o tribunal, atualmente, há em torno de 53 mil eleitores com deficiência registrados no cadastro eleitoral em Minas Gerais. Ainda de acordo com o TRE, até o momento 2.937 eleitores com deficiência já informaram a sua condição ao Cartório Eleitoral de Divinópolis.  

— É importante destacar que os eleitores deficientes não estarão, necessariamente, todos em seções especiais. Isso depende da iniciativa do eleitor de comparecer ao cartório ou posto de atendimento e solicitar a transferência para uma seção especial. No mesmo sentido, também é possível que haja nas seções especiais eleitores que não sejam deficientes – orienta.  

Para pedir a transferência, o eleitor deve procurar o Cartório Eleitoral ou posto de atendimento da Justiça Eleitoral no município onde vota ou pretende votar e levar o título (se o possuir), um documento de identidade original com foto e comprovante de residência. 

O Cartório Eleitoral de Divinópolis fica na Rua Pernambuco, 299, Centro. O eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida pode se informar pelo site do TRE sobre os bairros e os locais de votação em que estão as seções de fácil acesso na cidade. 

Regularização 

O prazo até 9 de maio vale também para transferências, alistamentos e regularização do título eleitoral. O eleitor deve se dirigir ao Cartório Eleitoral, com o título de eleitor, um documento de identidade original com foto e comprovante de residência para realizar o procedimento desejado. 

 

Comentários
×