Eleita Mesa Diretora do Conselho do Patrimônio Cultural

Órgão tem a missão de zelar pelo patrimônio artístico e cultural, por meio do estudo das leis de proteção e conservação

Da Redação

Os nomes dos membros da Mesa Diretora do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Divinópolis (Compac) foram publicados ontem no Diário Oficial dos Municípios. O órgão tem a missão de zelar pelo patrimônio artístico e cultural, por meio do estudo das leis de proteção e conservação. 

A presidente do Compac é a representante do Sindicato das Indústrias de Construção Civil do Centro-Oeste Mineiro (Sinduscon/CO), Vergínia Margaret Martins, e o vice-presidente é Gustavo Guimarães de Oliveira, representante da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo (Semde).

Para primeira secretária foi eleita Márcia Helena Ferreira, representante da sociedade civil, e a segunda secretária é Mirian Ferreira Soares, da Federação das Associações de Moradores de Bairros e Conselhos Comunitários Rurais de Divinópolis (Fambaccord).

Pautas 

Conforme a publicação, o mandato dos membros da Mesa Diretora será de dois anos.

— Já estamos com várias pautas em debate e com a aprovação dos novos membros do conselho. Com a mesa formada, os membros começaram a entender melhor o Regimento Interno do Conselho para saberem da importância de cada um nas ações para a preservação dos bens patrimoniais do nosso município — explicou o secretário municipal de Cultura, Diniz Borges.

O Conselho Municipal do Patrimônio Cultural (Compac) foi nomeado em 18 de junho em uma publicação no Diário Oficial dos Municípios.

 

Comentários
×