Duas mortes por suspeita de coronavírus são investigadas em Divinópolis

Da Redação

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) de Divinópolis, com base em dados divulgados pelo Ministério da Saúde por meio da plataforma “FormSUScap”, informou que o município tem nesta quinta-feira, 23, 564 infectados por covid-19. Já os casos suspeitos são 5.123 no total, 317 foram descartados, 501 recuperados e 20 óbitos até o momento. Dois seguem em investigação.

Em relação à faixa etária dos casos confirmados: um paciente tem idade menor que 12 meses; cinco têm entre 1 e 4 anos; outros cinco entre 5 e 9 anos; 21 têm entre 10 e 19 anos; 228 entre 20 e 39 anos; 213 entre 40 e 59 anos; e 91 com mais de 60 anos. 298 são do sexo feminino e 266, do masculino.

Quanto aos suspeitos, o novo registro aponta: 35 casos para a população menor que 1 ano; 159 entre 1 e 4 anos; 105 entre 5 e 9 anos; 289 entre 10 e 19 anos; 2.502 entre 20 e 39 anos; 1.465 entre 40 e 59 anos; e 568 entre as pessoas com idade superior a 60 anos. Do total, 2.672 correspondem ao sexo feminino e 2.451 ao sexo masculino.

Dos pacientes internados nas redes hospitalares do município e que apresentam quadro clínico compatível de covid-19, 37 estão na enfermaria e 28 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). Os pacientes internados ou que foram atendidos no ambulatório, e estão em isolamento domiciliar, são 2.207 ao todo.

Atualmente, Divinópolis conta com 94 leitos de terapia intensiva e 135 de enfermaria destinados exclusivamente para pacientes de covid-19. Os dados apontam taxa de ocupação de 29,8% no CTI e 27,4% no setor de enfermaria.

A taxa de isolamento social encontra-se em 34% e o ritmo de contágio em 1,25. No índice de infecção por 100 mil habitantes, o município marca 236,75. A taxa de letalidade está em 3,55%. 

O secretário Municipal de Saúde, Amarildo Sousa, pede à população que não deixe de seguir as medidas de enfrentamento.

— Vamos manter os cuidados e seguir os protocolos de prevenção. Sei que é um momento difícil, mas não podemos colocar a nossa e a vida do outro em risco. A luta contra a doença ainda não terminou — afirma.

A Prefeitura de Divinópolis orienta os cidadãos a seguirem os protocolos de segurança e, ao mesmo tempo, cumprir com os decretos vigentes. Os infratores das diretrizes de saúde estão sujeitos a penalidades.

Comentários
×