Doses em Divinópolis não são suficientes para imunizar todos os profissionais de saúde

Prefeitura aguarda envio de mais vacinas para apenas então tentar avançar para próxima fase

Da Redação

Em razão das informações falsas em circulação nas redes sociais, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) publicou ontem uma nota esclarecendo a atual situação da vacinação em Divinópolis. Até o momento, a imunização contra a covid-19 permanece em seu primeiro estágio: focada em profissionais da saúde. Com isso, a vacinação em idosos ainda não começou nem tem data para ser iniciada.

— Enquanto novas doses não chegam, a vacinação segue nos profissionais de saúde, cujo número estimado é de 7.600 pessoas. Até a parte da manhã de ontem, 3.836 pessoas receberam a primeira dose e 2.205 receberam a segunda dose em Divinópolis. Somente após encerrado este grupo é que poderá ser iniciada a vacinação em idosos — explicou. 

Até o momento, conforme a ferramenta “Vacinômetro”, do Estado, Divinópolis já recebeu 10.095 doses, o suficiente para imunizar pouco mais de cinco mil pessoas. 

Idosos

— A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) vem a público esclarecer e tranquilizar a população que a vacinação de idosos contra a covid-19 terá início assim que o Ministério da Saúde enviar novas remessas da vacina e seguirá a ordem de prioridade definida pelo Plano Nacional de Imunizações (PNI) — explicou a Prefeitura.

A ordem será:

90 anos e mais; 

85 a 89; 

80 a 84; 

75 a 79; 

70 a 74; 

65 a 69; 

60 a 64.

 Mesmo com o plano definido, qualquer data específica para o início da imunização das faixas etárias é, até o momento, meramente especulativo. 

— Mesmo com a divulgação da ordem de prioridade, vale destacar que ainda não é possível estipular uma data fixa da vacinação desses idosos, pois depende da chegada de novas doses ao município e, portanto, neste momento, qualquer calendário de vacinação com datas é considerado notícia falsa — reafirma.

A atual administração ainda informou que pretende manter o atual sistema de vacinação para evitar aglomerações. 

— O Plano Municipal de Imunização prevê a instalação de um drive-thru para promover eficiência na imunização e evitar aglomerações. Ainda, todas as unidades de saúde estarão disponíveis para tirar as dúvidas dos cidadãos quando for iniciada a vacinação em idosos. Após o início da vacinação neste grupo, os idosos que forem acamados ou com dificuldade de locomoção poderão ser vacinados em casa, mediante agendamento na unidade de saúde — explicou.

Números

A Prefeitura confirmou mais uma morte de residente da cidade por covid-19. O paciente, um homem de 96 anos, era portador de doença cardiovascular crônica e câncer. Ele morreu ontem. Com o registro, Divinópolis chegou a 149 mortes pela doença ‒ oito já em fevereiro ‒, um óbito é investigado.

Conforme o boletim, quatros crianças estão internadas em enfermaria e duas em CTIs com quadro sintomático para coronavírus. 

Dos 37.291 casos suspeitos notificados, apenas 7.981 foram testados: 6.103 confirmados, 1.860 descartados e 18 em análise. 

Nos leitos de CTIs destinados exclusivamente para pacientes com covid-19, a ocupação está em 45,1%, com 50 vagas disponíveis. Nos leitos destinados para pacientes com outras doenças, a ocupação está em 90,9%, com apenas cinco vagas disponíveis ‒ todas na rede privada. Todos 20 leitos SUS para pacientes não suspeitos de covid estão ocupados.

 

 





Comentários
×