Dona Telma Gil

Nossa Divinópolis sempre foi uma cidade aberta a todos que a escolheram como sua. Por ser um município polo, teve um crescimento muito rápido, e, com isso, necessidade de um número grande de mão de obra.

Entre essas pessoas que vieram, houve muitas que sobressaíram dentro da nossa sociedade, gente que chegou e acrescentou muito para nossa terrinha, que fez por onde escrever seu nome na nossa história.

Este fim de semana, perdemos uma dessas joias raras que vieram para fazer e acontecer: nossa doce dona Telma Gil.

Um dia, muito tempo atrás, tive o prazer de conhecer esta pequena grande mulher. Foi numa festa da minha família, e dali para frente, tornou-se uma deliciosa amiga.

Desculpem-me as famosas professoras de etiqueta da nossa terra, mas não tinha para ninguém quando dona Telma estava presente. De uma finura ímpar, tratava dos mais simplórios até os mais sofisticados com a mesma doçura.

Como não admirar a maneira de tratar os problemas como uma verdadeira matriarca? Soube mostrar a todos o melhor caminho.

Minha grande parceira no mundo da corretagem, como foi importante tê-la ao meu lado, como trocamos figurinhas, como fomos profissionais para com nossos clientes e como rimos das falhas dos nossos dias! Como foram especiais os momentos vividos nas minhas aulas de gastronomia, e que delícia recebê-la em minha cozinha para escolher as comidas que serviria nos seus fins de semana, deliciosos encontros que tornavam grandes bate-papos e grandes trocas de energia.

Minha querida amiga, quando cheguei para me despedir da senhora, notei como foi grande e bem plantada sua história. Em vez de consolarmos os seus, eles que acalmavam nossos corações, como me disse seu apaixonado Dr. Antônio: “Minha Telma foi sempre um grande brilhante, que passou em nossas vidas como um empréstimo feito por Deus, um delicioso presente que chegou a hora de ser devolvido”.

Minha querida Telminha, meu amigo Toninho e meu grande professor Dr. Antônio, que o exemplo desta linda mulher seja sempre o acalanto e a força para o seguimento da vida.

Agradeço à energia maior que me deixou conviver e aprender muito com esta doce guerreira chamada Telma Gil.

E continuo aqui, na Tok Empreendimentos, rua Cristal, 120, Centro, pronto para melhor servir.

rachidmendes@hotmail.com

Comentários
×