Divinópolis tem 438 casos confirmados de dengue em 2020

 
Da Redação 

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) divulgou nesta sexta-feira, 19, os números atualizados da dengue em Divinópolis. Ao todo, foram notificados 672 casos da doença neste ano. Destes, 438 foram confirmados, 108 foram descartados e outros 126 casos estão em análise. Dois óbitos seguem em investigação. 
 
Sobre as notificações por faixa etária, cinco pacientes possuem menos de um ano de idade; 17 entre de 1 a 4 anos; 33 entre 5 a 9 anos; 88 entre 10 a 19 anos; 274 entre 20 a 39 anos; 192 entre 40 a 59 anos; além de 63 pacientes com 60 anos ou mais. Em relação ao sexo, 305 são homens e 367 são mulheres. No índice de gravidade, nove pacientes estão com sinais de alarme e um se encontra em estado grave.
 
O secretário de Saúde, Amarildo Sousa, ressalta que o apoio da população é fundamental.
 
— Os cidadãos que estão em casa devem fazer sua parte eliminando os focos de dengue. Tirem água parada localizada em vasos de plantas, garrafas e piscinas sem uso, tampem poços, cisternas e caixas d’água. Com a colaboração de todos, vamos combater o mosquito — afirmou o secretário.
 
A dengue é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Os sintomas são febre alta, dores musculares intensas, dor ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas vermelhas no corpo. Em caso de suspeita, a Prefeitura orienta que se procure a unidade de saúde mais próxima para acompanhamento.
Comentários
×