Divinópolis registra três casos suspeitos de síndrome nefroneural

Da Redação

A Secretaria de Saúde de Divinópolis confirmou hoje o registro de três casos suspeitos relacionados à síndrome nefroneural.

Apenas um deles ainda apresenta alguns sintomas. Por se tratar de um registro do início de dezembro, na época não foi feita nenhuma associação à síndrome. Ele foi aconselhado a voltar ao médico em que já havia iniciado o tratamento para novos exames, agora específicos. A secretaria informou que vai continuar acompanhando o caso. Nos outros dois registros, os pacientes já apresentaram um quadro de melhora. 

Homem, 30 anos:
Consumiu no início de dezembro, iniciou com vômitos, diarreia e dor abdominal, como foi no início do problema, médico solicitou exames, mas não fez ligação com a cerveja, pois, segundo o consumidor, sempre consumiu Belorizontina e ainda não tinha acontecido nada. Ficou muito adoentado por 15 dias, perdeu 5 kg, mas está se recuperando. Tem em casa 19 garrafas do lote 1354.

Homem, 40 anos:
Consumiu nas festas de fim de ano, iniciou com vômito e diarreia, ficou de licença médica por 2 dias, hoje sem sintomas.
Tem em casa 1 garrafa do lote 1354.

Homem, 65 anos:
Consumiu 1 garrafa da Belorizontina em um restaurante, não sabe o lote, no dia 9 de janeiro, iniciou com vômito e diarreia, mas foi descartado pois já tem problemas gastrointestinais prévio, esposa consumiu com ele e não teve nenhum sintoma.

Balanço da vistoria feita no comércio local:
32 comércios fiscalizados no dia 13 (3 tinham Belorizontina, mas não dos lotes suspeitos);
37 comércios fiscalizados no dia 14 e nenhum com os lotes suspeitos.

Comentários
×