Divinópolis: Onça-parda ainda não foi encontrada, informam autoridades

"Técnicos do IEF estão realizando a inspeção da armadilha e dos vestígios da presença do animal, diariamente, no mínimo duas vezes ao dia", garante nota.

Da Redação

O Corpo de Bombeiros divulgou, na tarde desta segunda-feira, 2, um atualização sobre a busca pela onça-parda avistada no condomínio residencial, no bairro Planalto, em Divinópolis. Segundo a coorporação, o animal ainda não foi capturado. Armadilhas foram instaladas em locais estratégios para capturar o animal. 

Segundo as autoridades que atuam em conjunto no caso, apesar do baixo risco de ataque, os moradores da região devem manter cautela e evitar andar a pé pelo local, especialmente no período noturno.

Confira, na íntegra, a nota:

"Em um esforço conjunto com a Polícia Militar do Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros Militar, Ibama e o Instituto Estadual de Florestas (IEF) de Minas Gerais, foi dado prosseguimento à operação para localização e captura da provável onça-parda, avistada por moradores de um condomínio residencial no bairro Planalto em Divinópolis, pela primeira vez, na quinta-feira dia 29 de julho. A força tarefa citada, deu início a uma minuciosa avaliação da área onde o mamífero poderia estar, a fim de escolherem um melhor lugar para instalação de uma armadilha de captura.

No sábado, dia 31 de julho, após levantamento realizado pelos técnicos do IBAMA e IEF, observando-se, principalmente, “possíveis” vestígios que indicariam locais por onde o animal teria passado, decidiu-se pela instalação da armadilha em área pertencente a uma siderúrgica existente nas imediações.

Técnicos do IEF estão realizando a inspeção da armadilha e dos vestígios da presença do animal, diariamente, no mínimo duas vezes ao dia.

Os técnicos do IEF consideram baixos os riscos de ataque às pessoas, no entanto, todos os órgãos envolvidos nas buscas recomendam cautela aos moradores das imediações, evitando andarem sozinhas pelas ruas do entorno, principalmente à noite."

Comentários
×