Divinópolis: Homem simula roubo para acionar seguro

Menor, com passagem por homicídio, é suspeito de esconder o veículo

Da Redação

A Polícia Militar (PM) prendeu na noite desta segunda-feira, 28, um homem de 23 anos e apreendeu um menor de 17 - que possuiu passagens por homicídio. O primeiro é suspeito de falsamente comunicar o roubo de seu veículo e o segundo de ocultar o mesmo.

Na manhã de domingo, 27, a susposta vítima do roubo relatou aos militares que estava estacionando o seu veículo Fiat Strada nas proximidades da Usina do Gafanhoto quando foi surpreendida por dois homens que simularam estarem armados e roubaram seu carro. Durante as investigações, a PM recebeu informações de que o Fiat Strad foi escondido por um menor, no bairro Grajaú.

No dia seguinte, os agentes foram até o local, onde mora o jovem de 17 anos. Em seu quarto, diversas chaves, dentre elas, uma da garagem de propriedade de seu pai, na mesma rua, onde estava o veículo. Durante a abordagem, ele contou que foi pedido para ocultar o veículo. 

— Os militares deslocaram até à casa da falsa vítima de roubo, um homem de 23 anos, que, quando questionado, entrou em diversas contradições e logo em seguida afirmou ter realmente simulado o roubo para acionar o seguro veicular, pedindo ao menor que ocultasse o veículo — comunicou.

Em sua casa, no bairro São Caetano, foram localizados três tabletes de maconha, quatro comprimidos de ecstasy e sementes de maconha.

O crime de Comunicação Falsa de Crime está previsto no artigo 340 do Código Penal, prevendo pena de detenção de 1 a 6 meses.

 

Comentários
×