Divinópolis: Curto-circuito causa princípio de incêndio na UPA

Menos de uma semana após forro desabar, estrutura da UPA sofre com novo problema estrutural.

Da Redação

Um curto-circuito no painel elétrico, na madrugada desta sexta-feira, 14, causou um princípio de incendêncio no leito 20, no setor 2, da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Divinópolis. A avaliação foi feita pelo Corpo de Bombeiros. Nenhum paciente se feriu ou sofreu complicações em decorrência do fato.

— Apesar do susto, não houve feridos, apenas alguns danos materiais. Por motivo de segurança, todos os pacientes e colaboradores foram evacuados das áreas próximas ao ocorrido — informou a Prefeitura.

O fogo foi contido pelo sistema de combate a incêndio instalado na unidade e à ação da própria equipe que administra a unidade, "que atuou rapidamente, evitando que ocorressem maiores danos", acrescentou, em comunicado à imprensa.

— Neste momento, eletricistas já realizaram os reparos necessários, o local já está limpo, aguardando vistoria técnica para liberação e retorno dos pacientes ao setor. Uma revisão geral da parte elétrica também foi solicitada — comunica o Executivo.

O prefeito esteve, nesta manhã, no local.

— Os problemas não param, mas estamos aqui para solucionar — garantiu.

Presente no local, o secretário de Saúde (Semusa), Alan Rodrigo, explicou que o princípio de incêndio foi protanmento apagado pela equipe com um extintor de incêncio. A equipe de manuntenção está no local para reparar e trocar o equipamento danificado, além de fazer a avaliação dos demais para evitar novos problemas similares.

— Até metade da tarde os pacientes já voltam para o local — avalia o secretário. 

O secretário reforçou que os reparos na área onde o forro desabou, no último domingo, ainda não terminaram e, por isso, pacientes com casos mais leves devem procurar as unidades básicas de saúde ou a Policlínica.

 

Comentários
×