Dia do Padre



 Dia do Padre

 

Dia 4 de agosto último foi comemorado no mundo católico inteiro mais um Dia do Padre. Foi escolhido esse dia pela Igreja Católica a fim de homenagear o Cura D´Ars, que muito honrou sua escolha de vida sacerdotal, dedicando-se a dar presença aos pobres e marginalizados, e bom exemplo aos religiosos de Ars, e do mundo inteiro, esquecidos de sua grandiosa missão evangélica.

Há alguns anos, estando eu na França, fui ver a casinha onde o Cura D´Ars morou. 

Deu para conferir sua extrema pobreza e dedicação aos pobres e à Igreja Católica. João Maria Vianey, cura (padre) de Ars, pela sua dedicação à pobreza e no confessionário e em todo o mundo necessitado de mais vida espiritual.

Sendo considerado, no princípio, como de inteligência limitada, mesmo assim mereceu deixar seu nome gravado pela santidade e dedicação à Igreja Católica.

 Dia 4 de agosto foi escolhido como Dia da Igreja Católica por ser o dia do aniversário de João Maria Vianney, o Cura D´Ars.

Tantos outros mereceram seu nome agregado com destaque, como frei Bernardino (cultura), frei Miguel (alegria), Rafael, frei Mateus, padre Matias Lobato, que não apenas deu nome a uma escola na cidade. Matias Lobato, apesar de limitado por doença contumaz, tem seu nome gravado na memória da cidade e vizinhança

Homenageando, frei Leonardo Lucas Pereira, além de franciscano exemplar, cultor de nosso reinado e assemelhados. Frei Leonardo lidera movimento ligado ao reinado, à história religiosa e histórica da cidade e vizinhança...

A todos os sacerdotes, embora com atraso, enviamos o nosso sincero abraço e gratidão em seu dia e sempre.

 

Quem me dera ser como foi Homero
Que fora filósofo e poeta
Coração grande e sincero
D'alma pura e inquieta

Assim também eu espero
Ser um sacerdote asceta
Quero tudo com esmero
Quero minh'alma em alerta

Junto ao santíssimo clero
Mesmo nessa lida incerta
A coisa que eu mais quero

 

 

 

 

Comentários
×