Dia das Crianças promete aquecer comércio no sábado

Feriado da próxima segunda-feira será de portas fechadas; só serviços essenciais vão funcionar

Da Redação 

Considerada a segunda melhor data para negócios no último semestre do ano, o Dia das Crianças ‒ comemorado na próxima segunda-feira, 12 ‒ deve aquecer o comércio varejista em Divinópolis. Apesar da cautela em função da pandemia de covid-19, a reta final do ano, marcada por importantes datas comemorativas, já começa a recuperar o otimismo dos empresários locais. As datas que estão por vir, Dia das Crianças e Natal, são possuem forte apelo emocional e comercial junto aos variados tipos de públicos, o que leva muitos estabelecimentos a investir em ações para atrair o consumidor.

— Já traçamos nossas estratégias para as próximas datas comemorativas. Vitrines e descontos, além de participar de possíveis promoções criadas por entidades, estão dentro de nosso cronograma. Isso além de contar com todo o apoio de nossos colaboradores — disse o empresário do ramo de confecção infantil Dalmo Vasconcelos.

Divinópolis

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Divinópolis não tem uma pesquisa voltada para a cidade, mas levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que sete a cada dez consumidores estão dispostos a ir às compras. A pesquisa também mostra que, em média, o consumidor compra dois presentes nesta época, e que o gasto médio deve ser próximo ao que foi no ano passado, R$ 209,90.

— Se a gente faz uma dedução em questão do potencial  de consumo e gasto nesta época, pode entender que Divinópolis terá um impacto próximo de R$ 7 milhões no comércio, com a data do Dia das Crianças. É um movimento relevante, importante e é um volume que ajuda as empresas neste momento — avalia o presidente da CDL Divinópolis, Luiz Angelo Gonçalves. 

Campeões de vendas 

E, mais uma vez, conforme pessoas ouvidas pela reportagem, os produtos mais visados neste Dia das Crianças serão as roupas e calçados, seguidos dos mais diversos itens de brinquedos, como bonecas, jogos de tabuleiro e educativos. 

— Estou fazendo a minha pesquisa de preços como sempre faço. Passei aqui para ver alguns brinquedos, mas os principais serão as roupas e calçados e, de lembrançinha, alguns brinquedos para os mais pequenos — falou a aposentada Ebe Oliveira.

Horário

Neste ano, devido à pandemia, o comércio não terá horário especial, como em anos anteriores. Assim, segue no seu funcionamento habitual, que foi determinado pela Prefeitura de Divinópolis, das 9h30 às 18h30. Neste sábado, será entre 8h30 e 13h. No feriado, apenas os serviços essenciais poderão funcionar conforme determina o Decreto Municipal 13.961. Ou seja, o comércio de rua também fica proibido de funcionar no Dia das Crianças. 

Brasil 

O cenário de incertezas trazido pela pandemia da covid-19 não deverá atrapalhar o Dia das Crianças deste ano. Mesmo em meio a um cenário econômico desafiador, revela pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais, a expectativa é de que o varejo movimente aproximadamente R$ 10,87 bilhões.

Comentários
×