Desfalcado, Guarani é derrotado em Patos de Minas e adia definição do Módulo II

José Carlos de Oliveira

Guarani perde para o Mamoré, em Patos de Minas, e adia definição da primeira fase do Módulo II, do Campeonato Mineiro 2018. Jogando na tarde deste sábado no estádio Bernardo Rubinger de Queiroz, o alvirrubro foi derrotado pelo Sapo por 1 a 0. O único gol da partida foi marcado pelo atacante Willian, aos 19 minutos da primeira etapa.

Com a derrota, o Bugre adiou a definição da primeira fase do estadual. Mesmo perdendo, o alvirrubro manteve a liderança, com 22 pontos ganhos, 7 vitórias e saldo de 11 gols. Se o América vencer o Uberaba Sport na segunda-feira, em Teófilo Otoni, chegará aos mesmos 22 pontos do Guarani, com a definição da primeira fase ficando para a última rodada, quando os dois times se enfrentam. O duelo decisivo está marcado para o sábado, 7 de abril, às 16h, no estádio Waldemar Teixeira de Faria, no bairro Porto Velho.

Desfalques atrapalharam

Enfrentando um time desesperado, que jogava para evitar ser rebaixado antecipadamente para a Segunda Divisão na próxima temporada, o Guarani entrou em campo sem metade do time titular. Além dos suspensos Thiago Balaio e Leomir, o técnico Gian Rodrigues optou por poupar outras peças da equipe, já testando situações de jogo para as fases decisiva. Ficaram de fora da partida, os jogadores Elder, Alemão e Paulo Morais, que só entrou na segunda etapa, quando o Mamoré já vencia o confronto.

No jogo, o Guarani sentiu as mudanças e não mostrou o mesmo futebol de partidas anteriores. Mesmo assim foi do Bugre a primeira grande chance de gol, com Pedrinho acertando a trave do goleiro Hugo.

O primeiro e único gol da partida aconteceu aos 19 minutos. A defesa alvirrubra perdeu a bola em sua intermediária, com o Mamoré armando rápido contra-ataque, que culminou com Willian escorando com o peito para o fundo das redes, cruzamento que veio da ponta direita.

O Guarani

Gian Rodrigues mandou o Guarani a campo com: Leandro; Ricardo Luz, Eduardo Mancha, Felipe Abílio e Neto; Kauê, Yuri, Magalhães e Vitinho; Marcelo Quilder e Pedrinho.

Ainda entraram na partida o garoto Jonas Marques, no lugar de Neto, com Magalhães passando para a lateral esquerda; Paulo Morais na vaga de Vitinho; e o garoto Leo Torres, em substituição a Marcelo Quilder.

Comentários
×