Delano cobra atenção do Ministério Público sobre crise na UPA: 'Me chama'

Ricardo Welbert

O vereador Dr. Delano (PMDB) cobrou na tarde desta quinta-feira, 30, atenção do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) sobre a situação financeira da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Padre Roberto, em Divinópolis. Conforme o Agora informou, o corpo clínico ameaça fazer uma nova paralisação (a segunda em menos de um mês) caso os profissionais não recebam seus salários nas próximas horas

Durante pronunciamento na Câmara, o vereador voltou a cobrar resposta da Secretaria de Saúde e Divinópolis sobre os R$ 27,5 milhões que o Legislativo já aprovou em emendas ao Executivo. 

— A dívida com os médicos já dá pra ser paga. Mas onde o governo colocou o dinheiro? — questionou o vereador, lembrando ainda que na mais recente prestação de contas da Saúde ao Legislativo foram fornecidas poucas informações sobre os usos do dinheiro público. 

— Eu fiz denúncia ao Ministério Público de Minas Gerais, mas não tive retorno. Não fui chamado pra falar sobre o que eu sei da saúde na cidade. Eu que denunciei esse caos. Fui à UPA, pus minha cara a tapa, entrei nos corredores lotados de pacientes [referência ao vídeo no qual o vereador aparece fazendo isso], mas não fui chamado. Me chama, Ministério Público — pediu Dr. Delano. 

Outro lado

O Portal Agora fez contato com o MPMG e aguarda retorno por e-mail. 

Comentários
×