De ‘cara’ nova

Preto no Branco - De ‘cara’ nova

A Prefeitura de Divinópolis reinaugurou, nesta quarta-feira, 25, a Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro Icaraí. Por meio do “Adote um Bem Público”, uma empresa privada ficou responsável pela pintura externa e interna da unidade, manutenção da rede elétrica, adequação de portas e ralos segundo normas da Anvisa, substituição de mobílias que não estivessem em bom estado de conservação, substituição do piso; limpeza do lote e manutenção do telhado e atendimento

Projeto

O projeto “Adote um Bem Público” foi apresentado em 2018 pelo atual presidente do Legislativo, Eduardo Print Jr (PSDB). Na época, a Prefeitura de Divinópolis alegava grande crise financeira, em razão do sequestro, pelo Estado, dos repasses financeiros. Assim, o projeto propunha que a iniciativa privada “adotasse” praças, escolas e outros espaços públicos, ajudando o poder público em investimentos. Em contrapartida, o cidadão ou empresa envolvida pode usar parte do local para anunciar e divulgar seu nome. 

Busca por parcerias

Desde então, diversos espaços públicos receberam revitalização graças ao projeto. A depender do investimento público, a Prefeitura, que chegou, à época, a parcelar salários, teria que adiar as melhorias. Agora, Executivo e Legislativo continuam buscando articular parcerias para aprimorar estruturas defasadas sem gastos públicos. Talvez, o “Adote um Bem Público” tenha sido uma das propostas de maior impacto, na prática, dos últimos anos.

Permanece

A onda verde continua. A nova classificação divulgada ontem pelo governo estadual mantém a macrorregião Oeste, da qual Divinópolis faz parte, no estágio mais flexível do Minas Consciente. Agora, todas as 14 macros estão na verde, com exceção do Triângulo do Sul, que permanece na amarela. A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) aponta que "os dados são positivos e temos consistência na queda da doença". A resposta para a melhora dos indicadores é simples: vacinação. O avanço da imunização tem permitido a queda no número de infectados pela covid-19 que desenvolvem sintomas graves da doença. A queda da ocupação de leitos no estado tem média de 30%. 

Faixa etária

Conforme o próprio secretário de Saúde de Minas destacou, a expectativa é vacinar todos os adultos, ao menos com a 1ª dose, até meados de setembro: “Temos mais de 350 cidades que já relataram estar aplicando doses em pessoas com 18 anos”, detalhou. Ontem, Divinópolis abriu cadastro para nascidos em 2000 ou menos. Sobre as críticas no avanço entre as faixas etárias, o Executivo municipal explicou que o objetivo é garantir uma volumosa cobertura vacinal em cada idade e, por isso, a lentidão quando comparada com outras cidades.

Preocupação

Apesar dos números positivos, a situação exige urgência. A SES já identificou 94 casos da cepa mais infectante, a variante delta e, conforme o secretário estadual, “a tendência é de que ela se torne predominante”. Por isso a necessidade de imunizar os mineiros de forma ágil, a fim de evitar a disseminação massiva do vírus e suas consequências. Os principais focos são os municípios de Minas mais próximos ao Rio de Janeiro e ao Distrito Federal, e na macrorregião Central, onde há maior circulação de pessoas.

Premiação

O Agora premiou, na noite de ontem, em parceria com a Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e Serviços de Divinópolis (Acid), as Mulheres Notáveis de 2021. Além de prestar as devidas homenagens, foram entregues prêmios aos destaques do ano, nas mais diversas áreas, entre direito, moda, medicina, segurança e afins. Parabéns a todas!

 









Comentários
×