CTI é inaugurado em Santo Antônio do Monte

Da Redação

A Prefeitura de Santo Antônio do Monte inaugurou na tarde desta sexta-feira, 29, o Centro de Terapia Intensiva (CTI), que contará com 10 leitos, sendo dois de isolamento. As obras do sexto andar da Santa Casa de Misericórdia começaram em outubro de 2018, e mais de R$ 2 milhões, recursos próprios do Município, foram investidos no local.

Segundo o prefeito, Dinho do Braz, as adequações do sexto andar da Santa Casa ficaram em aproximadamente R$ 200 mil, e a compra dos equipamentos em cerca de R$ 1,6 milhão. Para montar o CTI, a Prefeitura comprou camas, respiradores, monitores, bombas de infusão, suportes de soro, desfibriladores, colchões e outras máquinas.

O CTI contará com um médico coordenador, dois médicos horizontais e médicos plantonistas, todos com residência em terapia intensiva, cinco enfermeiras, sendo uma coordenadora e as demais supervisoras, todas com experiência e curso de terapia intensiva, 20 técnicos de enfermagem, e cinco fisioterapeutas, totalizando três equipes, que trabalharão em escala 12hx36h.

— A reforma do sexto andar da Santa Casa e a aquisição dos equipamentos foram feitos com recursos próprios, com dinheiro da Prefeitura. Este é um sonho de mais de 30 anos, que está se tornando realidade, e veio em um momento que a população mais precisa. A entrega do CTI, sem sombra de dúvidas, trará mais segurança para o nosso povo e também para a região — reforça o prefeito.

Instalação

Em junho do ano de 2018, Dinho do Braz fez a solicitação para a criação do CTI na Santa Casa à Superintendência Regional de Saúde de Divinópolis (SRS/Div), à Secretaria de Estado de Saúde (SES) e também ao Ministério da Saúde, e no dia 19 de setembro, a SES expediu a autorização para implantar os leitos no hospital da cidade.

Os leitos serão regulados pelo Governo do Estado, por meio do programa SUS Fácil, e também pela central de regulação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Com isso, o CTI de Santo Antônio do Monte estará disponível para o Centro-Oeste mineiro.

— O atendimento do CTI será exclusivo pelo Sistema Único de Saúde (SUS), e os leitos serão regulados pela Central de Regulação do Governo do Estado, ou seja, toda a região Centro-Oeste será beneficiada com a inauguração do nosso CTI — esclarece o prefeito.

Comentários
×