Cruzeiro leva a virada no Maracanã, perde jogo e a invencibilidade no ano

José Carlos de Oliveira

O Cruzeiro perdeu para o Flamengo e a sua invencibilidade de 22 partidas na temporada. Na noite deste sábado, no Maracanã, no Rio de Janeiro, o time celeste foi derrotado pelo Flamengo por 3 tentos a 1, em sua partida de estreia no Campeonato Brasileiro.

Pedro Rocha, aos 39 minutos, abriu o placar para o Cruzeiro, e Bruno Henrique, aos 41, empatou para o Flamengo no primeiro tempo. Na segunda etapa, Bruno Henrique, aos 21 minutos, e Gabriel, aos 44, fizeram 3 a 1 para o time carioca.

Na quarta-feira, dia 1º, o Cruzeiro recebe a visita do Ceará no Mineirão, às 19h15, em duelo da segunda rodada do Brasileirão. O Flamengo joga com o Internacional, no estádio Beira Rio, em Porto Alegre, às 16h.

Choque de cabeça

No último lance da partida, um susto. Rodrigo Caio se chocou com Dedé em uma disputa de bola pelo alto dentro da área rubro-negra e o zagueiro do Flamengo sofreu uma forte queda. Bateu a cabeça no gramado e desmaiou, sendo acudido rapidamente pelos outros jogadores, especialmente Dedé e Fred. Logo recuperou a consciência e, colocado em uma ambulância, foi levado ao hospital. Dedé teve que levar pontos na cabeça após a partida no v

Detalhes da Partida

Jogo: Flamengo 3 x 1 Cruzeiro

Motivo: Rodada de abertura do Campeonato Brasileiro Série A

Data: 27 de abril de 2019, sábado, às 21h

Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Gols: Pedro Rocha (39’/1º), Bruno Henrique (40’/1º e 21’/2º), Gabigol (44’/2º)

Cartão Amarelo: Pará, Léo Duarte, Gabriel, Diego (Flamengo); Murilo, Edilson, Lucas Romero, Thiago Neves, Fred (Cruzeiro)

Cartão Vermelho: Murilo (Cruzeiro)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Árbitro de Vídeo (VAR): Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes do VAR: Jean Pierre Goncalves Lima (RS) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)

Flamengo: César; Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Willian Arão, Everton Ribeiro (Juan), Arrascaeta (Diego), Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Abel Braga

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Dedé, Murilo e Dodô; Henrique e Lucas Romero (Lucas Silva); Pedro Rocha (Rafinha), Rodriguinho (Thiago Neves) e Marquinhos Gabriel; Fred. Técnico: Mano Menezes

Comentários
×