Crescem ocorrências de estelionato em Divinópolis

 

Gisele Souto  

As ocorrências são constantes. Só mudam a forma e os locais de ataque. Os estelionatários estão por toda parte e prontos para achar a próxima vítima. Na maioria das vezes eles se aproveitam de pessoas com menos instruções, como os aposentados nas agências bancárias.  Além disso, têm as fraudes bancárias, na Previdência Social, desvios de dinheiro de contas bancárias abertas com documentos falsos e empréstimos.  

Essas são algumas das práticas criminosas praticadas pelos estelionatários, segundo a delegada Adriene Lopes. Titular da delegacia que investiga este tipo de crime, ela conta que as denúncias crescem a cada dia. 

Inquéritos instaurados pela delegada mostram a realidade. De janeiro a maio de 2017, foram registrados 34 casos, em que as vítimas estiveram na delegacia solicitando providências. No mesmo período deste ano já são 42, sem contar os registros dos plantões.  

Casos   

A última ocorrência registrada na cidade foi de um homem de 30 anos preso no último domingo, 3, por venda de ingressos falsos da Divinaexpo. Ele foi flagrado depois que organizadores da festa informaram aos militares sobre a venda de ingressos falsos por cambistas fora do parque.  

Com informações sobre as características do suspeito, a PM encontrou o homem, que tentou fugir, mas foi detido. Com o suspeito foi localizado um ingresso do tipo cartão magnético, um celular de procedência duvidosa e R$ 860 em dinheiro. 

A organização da festa confirmou que o ingresso era falso. Ele foi levado para a delegacia, ouvido e liberado. Já tinha passagens pelo mesmo crime.  

Medo   

As autoridades de segurança, incluindo as polícias Militar e Civil, acreditam que o número de golpes possa ser ainda maior porque a maioria das pessoas não registra o boletim de ocorrência. Elas afirmam que muitas vítimas ficam com vergonha, pois é como se elas assinassem um atestado de burrice ou porque percebe que também queria levar vantagem na situação. Assim dificulta o levantamento de estatísticas de forma precisa.  

 

 

Comentários
×