CPI do Copacabana começa após a da Copasa, diz Cleitinho

 

Pollyanna Martins

O vereador Cleitinho Azevedo (PPS) está aguardando a finalização da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga o cumprimento das responsabilidades legais da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) com o Município na execução dos serviços que lhe foram concedidos para o abastecimento de água e esgotamento sanitário, para pedir a instauração de uma CPI para apurar as irregularidades no bairro Jardim Copacabana. O parlamentar disse, em discurso na reunião ordinária do dia 13 de março, que solicitaria a criação da comissão, após o Agora divulgar, no dia 10 de março, o caso de seu assessor, André Luiz da Silva, que mantém uma casa em situação irregular no bairro.

Em seu pronunciamento, o parlamentar afirmou ainda que “quem não deve não teme” e que não tinha nada a reclamar de seu assessor. Cleitinho garantiu que André Luiz está dentro da legalidade, mas, caso seja provada alguma irregularidade envolvendo o funcionário, ele seria exonerado imediatamente. Ao Agora, o vereador explicou o motivo que o levou a adiar a solicitação.

— Eu estou esperando a finalização do relatório da CPI da Copasa, que deve acontecer nas próximas duas semanas, para pedir a instauração da CPI do bairro Copacabana – disse.

Comentários
×