Coronavírus: boletim epidemiológico registra 291 confirmações em Divinópolis

Da Redação 
 
A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou nesta quarta-feira, 17, o boletim epidemiológico que registra mais 13 casos confirmados de covid-19 em Divinópolis, chegando a 291 pacientes. Com base em dados divulgados pelo Ministério da Saúde pela plataforma “FormSUSCap”, o número de casos suspeitos sobiu para 2.750. Destes, 222 foram descartados e 13 estão em análise. 
 
Os números são atualizados diariamente. A taxa de isolamento social no município é de 37%. Até o momento, 200 pacientes diagnosticados com coronavírus se recuperaram. Não há registro de novos óbitos provocados pela doença.
 
Em relação à faixa etária, o boletim aponta 30 notificações para a população menor que um ano; 123 entre 1 a 4 anos; 67 entre 5 a 9 anos; 139 entre 10 a 19 anos; 1.261 entre 20 a 39 anos; 791 entre 40 a 59 anos; além de 339 casos suspeitos de pessoas com mais de 60 anos. A população do sexo feminino continua sendo a mais atingida, com 1428 notificações. Enquanto isso, 1302 casos suspeitos são do sexo masculino.
 
Entre os casos confirmados, a faixa etária mais atingida continua sendo composta pela população entre 40 a 59 anos, contabilizando 127 pessoas. Um paciente possui menos de um ano de idade, quatro entre 1 a 4 anos; três entre 5 e 9 anos; seis entre 10 a 19 anos; 99 entre 20 a 39 anos; além de 47 pessoas com 51 anos ou mais. Em relação ao sexo, 160 pacientes são do sexo feminino e 131 pessoas do sexo masculino.
 
Internações nas redes hospitalares
 
Quanto ao número de internações no município, os dados informam que 21 pacientes com quadro clínico compatível ao coronavírus estão no Centro de Terapia Intensiva (CTI) e 29 se encontram no setor de enfermaria. Divinópolis conta com 94 leitos de terapia intensiva e 135 leitos de enfermaria exclusivos para pacientes da covid-19. O boletim aponta taxa de ocupação de 21,5% no CTI e 22,3% no setor de enfermaria. 
 
Além disso, outras 1.478 pessoas anteriormente internadas ou atendidas com quadro suspeito de coronavírus estão em isolamento domiciliar até a presente data.
 
O secretário Municipal de Saúde, Amarildo de Sousa, esclarece que o isolamento social ainda é a melhor medida de prevenção ao vírus.
 
— O poder público age intensamente no enfrentamento à covid-19, mas a população também precisa fazer sua parte saindo de casa apenas quando necessário. Caso saia, que se adeque as normas sanitárias para frear a transmissão do vírus — ressalta o secretário.
 
A Prefeitura de Divinópolis orienta os cidadãos a seguirem os protocolos de segurança, e ao mesmo tempo cumprir com as normas estabelecidas pelo Decreto Nº 13.807/2020. Os infratores estão sujeitos a penalidades. A população pode contribuir com o município, registrando denúncia pelo App Divinópolis na opção “Coronavírus”. A ferramenta é gratuita e está disponível nas lojas de aplicativos para celular.
Comentários
×