Contagem regressiva para a 49ª Divinaexpo já começou

Pollyanna Martins

A 48ª Divinaexpo acabou, e a contagem regressiva para a 49ª edição do maior rodeio de Minas Gerais já começou. Foram nove dias de festa, mais de 40 atrações musicais, muita emoção nas provas de montaria em touros e cavalos, concurso gastronômico e culinária tradicional brasileira, além de atividades para toda a criançada.

De 24 a 27 de maio, o Prato Rural movimentou o Parque Divinaexpo, trazendo para a cidade representantes de 14 comunidades rurais do município, que apresentaram suas delícias produzidas com os mais diversos ingredientes. A comunidade de Perobas foi a grande campeã da disputa, conquistando a maioria dos votos do público com o seu “Costelão Recheado e Fritas”.

Quem abriu os shows da 48ª Divinaexpo foi a dupla sertaneja Fernando & Sorocaba, e Dennis DJ. Já no dia 31 de maio, o comando da festa ficou com Bruno & Marrone, e Chitãozinho & Xororó, com o show “Clássicos”, e com Matheus & Kauan. No dia do aniversário de 106 anos de Divinópolis, 1º de junho, o público ganhou de presente uma mistura de ritmos no Maior Rodeio de Minas, com Matogrosso & Mathias, Henrique & Juliano, e quem fechou a noite foi a DJ Samhara, que trouxe um setlist inovador.

A penúltima noite foi comandada por Cleber & Cauan, Simone e Alok. O público cantou e dançou até 5h30. Encerrando a festa, Gustavo Mioto cativou o público com sua simpatia, seus hits e com um show pra lá de animado, que teve direito, inclusive, a um selinho em uma fã. Começando sua apresentação com um ritmo alucinante, Mioto emendou as músicas “Vida de solteiro”, com direito a fogos de artifício, “Câmera lenta”, levando o público feminino ao delírio ao rebolar diversas vezes, e “Mel de Marte”, gravada em parceria com Maiara & Maraísa. E assim, durante o show, ele foi alternando momentos de uma verdadeira explosão de energia, com outros mais românticos como em “Anti-amor”, atual música de trabalho e que foi gravada em parceria com Jorge & Matheus, e “Impressionando os Anjos”.

Montaria

Quando os competidores adentraram a arena na noite de domingo, 2, a disputa estava bastante acirrada. Prova disso é que na sexta-feira, 1, dois competidores haviam conquistado a nota máxima do dia, dividindo a primeira colocação. Mas com o decorrer das montarias deste domingo a situação foi se transformando e após a última rodada foi anunciado o grande vencedor da categoria: Francis Gustavo Dezembro, natural de Catiguá/SP, que, no acumulado, somou 520,75 pontos e conquistou uma das fivelas mais cobiçadas do país.

Na segunda colocação, ficou Eudimar Oliveira Novais (439,50) e em terceiro Junio Cezar Quaresma (438). Na categoria montaria em cavalos estilo cutiano, o competidor com a melhor nota da noite foi também o grande campeão. Luís Fernando Anastácio alcançou 87,75 pontos neste domingo e, no acumulado, chegou a 331,75 pontos. Ao todo, 12 competidores disputaram a grande final.

O segundo colocado foi Wenes Pereira Apolinário (325), seguido por Enes Campos Sales (254,25). Nas provas funcionais, o campeão da categoria Bulldogging foi Nívio Daldegan, com o tempo de 13,51 segundos. No Laço Individual, o título ficou com Bruno Rena — 25,47 segundos. Já a campeã mirim da prova dos Três Tambores foi Ellen Sayuri, com um tempo total de 50,554 segundos. Na categoria profissional, o título ficou com Ana Carolina Cardoso, com 49,072 segundos.

Montaria do bem

A noite de ontem também foi de emoção e solidariedade na Arena Divinaexpo. Criada para unir público, organizadores e competidores em torno de uma causa nobre, a “Montaria do Bem” neste ano aconteceu para arrecadar fundos que vão ajudar a custear a educação da filha de 1 ano do campeão da Divinaexpo 2016, Gilliard Antônio da Silva, morto durante uma competição no último mês de maio, no Paraná. O competidor João Ricardo Vieira, de Itatinga (SP), desafiou e venceu o touro Acreano, da Cia Califórnia. Os valores arrecadados durante a montaria serão entregues à família de Gilliard.

Comentários
×