Construção civil começa ano com confiança em alta

Pablo Santos

Os empresários mineiros da construção civil começaram o ano com a expectativa em alta. O Índice de Confiança do Empresário da Indústria da Construção de Minas Gerais (Iceicon-MG) da Fiemg atingiu 61,9 pontos em janeiro, crescimento de 2,8 pontos na comparação com dezembro, quando registrou 59,1 pontos.

O resultado mostrou empresários confiantes pelo nono mês seguido, com indicador acima dos 50 pontos – limite entre confiança e falta de confiança.

— Na comparação com janeiro de 2019, o índice também aumentou 2,8 pontos e foi o mais elevado para o mês em nove anos. O Iceicon nacional registrou 64,0 pontos em janeiro, avanço de 0,9 ponto em relação a dezembro (63,1 pontos), e apontou construtores confiantes — destacou a nota técnica da Fiemg. 

O indicador de expectativas alcançou 64,8 pontos em janeiro, elevação de 4,4 pontos frente a dezembro (60,4 pontos), e apontou otimismo dos empresários pelo 16º mês seguido. Os construtores mostraram que estão com perspectivas positivas com relação às economias do país e do estado e às suas empresas para os próximos seis meses.

Em outro indicador, o componente de condições atuais melhorou pela 7ª vez consecutiva e cresceu 0,2 ponto entre dezembro (55,9 pontos) e janeiro (56,1 pontos).

— O indicador mostrou que os construtores estão mais satisfeitos com as condições da economia mineira e de suas empresas. O índice ficou expressivos 6,2 pontos acima do apurado em janeiro de 2019 (49,9 pontos) e foi o maior desde junho de 2011 (58,9 pontos) — apontou a nota técnica.

Elevação

O Iceicon é resultado da ponderação dos índices de condições atuais e de expectativas, que variam de 0 a 100 pontos. Valores acima de 50 pontos apontam percepção de melhora na situação atual e expectativa positiva para os próximos seis meses, respectivamente.

Comentários
×