Conselho Técnico define início do estadual para 8 de fevereiro

José Carlos de Oliveira

O Módulo II do Campeonato Mineiro de 2020 já tem seu formato definido. Em reunião ontem à tarde na sede da Federação Mineira de Futebol (FMF), em Belo Horizonte, representantes de clubes e dirigentes da entidade, decidiram por mudanças no modelo da competição, suprimindo as semifinais e criando uma final quadrangular.

O início do estadual ficou acertado para 8 de fevereiro, com a rodada final da segunda fase acontecendo em 30 de maio.

Mamoré

Logo no início do encontro, ficou decidido que o time do Mamoré, terceiro colocado na Segunda Divisão de 2019, ficaria com a vaga do América de Teófilo Otoni, que, na última hora, desistiu de participar do estadual de 2020.

O Sapo, de Patos de Minas, foi eliminado nas semifinais da Segundona pelo Betim, mas terminou a competição com a terceira melhor campanha no geral.

Participantes 

Marcaram presença na reunião na Federação Mineira representantes do Serranense, de Nova Serrana; Betim Futebol Clube; Tupi, de Juiz de Fora; Nacional de Muriaé; Clube Atlético Portal (CAP), de Uberlândia; Ipatinga; Athletic Club, de São João del-Rei; Democrata de Sete Lagoas; Democrata de Governador Valadares; Mamoré de Patos de Minas; Pouso Alegre; além do presidente do Guarani, Vinícius Morais, que defendeu os interesses do alvirrubro no encontro.

Forma de Disputa

Ainda ficou decidido que o Mineiro de 2020 será realizado em turno único, com todos jogando contra todos e com os quatro primeiros colocados, ao término das onze rodadas, se classificando para a segunda fase.

Na próxima temporada não haverá a disputa de semifinais e final. Os quatro clubes participam de um quadrangular, em turno e returno, e os dois melhores sobem para o Módulo I em 2021, ao fim de seis rodadas.

Ficou acertado ainda que o torneio será disputado com jogadores da categoria sub-24, com os clubes podendo inscrever apenas sete atletas acima desta idade.

 

Comentários
×