Concerto de piano é nesta quarta

Jorge Guimarães

A noite desta quarta-feira promete ser de gala com a apresentação do XXVIII Recital de Piano “Despertar”, a partir das 19h30, no salão do JB Palace Hotel. Assim Erika Lauar e seus alunos vão brindar a todos com as mais belas interpretações de clássicos da música. O objetivo do evento é trazer cultura musical às pessoas, incentivar seus alunos no curso de piano e trazer alegria a todos que já se encontram envolvidos no mundo musical.

— Com certeza os amantes da musica clássica vão se deliciar com as apresentações, além de ser uma oportunidade para o grande público ter contato com a música erudita em espaço adequado e aconchegante — define Erika Lauar.

Despertar

A apresentação de “Despertar” será dividida em duas sessões. Na primeira, depois da abertura com Erika Lauar, se apresentarão os intérpretes Nathalie Mendonça Martins, Lara Cabral de Melo Machado, Cindhy Vitorino Corrêa de Melo, Thalita Maria Valério Gonçalves, Bernardo Fontes de Souza, Pietra Almeida Souza e Cabral, dentre outros. A sessão também terá a participação especial de Isabela Caroline de Lima Barros, Jussara Soares Fontes de Souza, Romilda de Moura, Thais Corrêa, Laura Guedes Ferreira e Vitor Lauar.

Segunda sessão

Vão abrilhantar a segunda sessão os intérpretes Sandra dos Santos Gomes, Livia Campos Mascarenhas, Camila Mourão Coelho de Souza Duarte, Marcus Vinicius Lauar Morato, Laura Guedes Ferreira, Vitor Lauar, dentre outros. As participações especiais ficam por conta do Trio Artmusical, Isaias Souza, Marcos Costa, Sebastian Bauxita e Luis Mingau.

— Estamos fechando um ano coroado de sucesso e esperamos compartilhar essa alegria com todos os amigos, familiares, enfim, com todos aqueles que sempre prestigiaram essa noite que já se tornou tradicional em nossa cidade — finalizou Erika Lauar.

Equilíbrio

A professora Erika Lauar definiu o que é o “Despertar” que será apresentado no salão nobre do JB Palace Hotel. 

— Neste momento de profundas transformações humanas e planetárias, é importante que todas as pessoas busquem o conhecimento para poderem se curar, antes de curar e nutrir os outros. Dessa forma, as feridas da alma não mais se manifestarão em atitudes hostis, alcançando assim o equilíbrio, que permitirá expressar valores que representam um exemplo de força equilibrada, se empenhando na construção de uma sociedade mais consciente — descreveu

 

Comentários
×