Comércio aposta nas datas comemorativas

Em 2020, os principais setores da economia divinopolitana afetados foram o comércio e os serviços

Da Redação 

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged)  revela  que Divinópolis registrou, ao fim de 2020, 505 postos de trabalho a menos. O último ano começou com uma visão otimista da economia, registrando uma melhora no mercado, com um aumento do número de admissões. No entanto, depois de fevereiro, o município acumulou quatro meses seguidos de demissões acima do número de admissões ‒ números estes resultados de inúmeras empresas que não aguentaram as portas fechadas devido à pandemia.

Os principais setores da economia divinopolitana afetados foram o comércio e os serviços, que registraram saldos negativos no acumulado do ano, devido ao fechamento do comércio na onda vermelha do Minas Consciente. 

— Um dos setores que mais amargou desemprego e fechamento de empresas foi o de bares e restaurantes. E, neste ciclo vicioso de ondas, muitas empresas tradicionais da cidade fecharam suas portas. Com elas, muitos profissionais foram demitidos — define o empresário do ramo de restaurantes Júlio Batista. 

Otimismo

Mas, apesar de vários estabelecimentos comerciais terem  fechado suas portas devido à pandemia, o empresariado de Divinópolis continua com boas expectativas para este primeiro semestre de 2021. 

— Estamos confiantes numa ascensão gradual do comércio para os próximos meses. Estamos para soltar uma liquidação para os próximos meses, pois já devemos receber os modelos de outono/inverno e com muitas novidades vamos trabalhar nas datas comemorativas dos Dias das Mães e Namorados — avaliou a empresária do ramo de calçados Cláudia Silva.

O segmento de perfumaria também espera uma recuperação neste primeiro semestre.

— O primeiro semestre sempre foi bom para o setor. E temos nas datas comemorativas nossas maiores vendas depois do Natal. Estamos preparando junto a nossos fornecedores promoções para lançamentos de novas fragâncias — disse o empresário Anderson Nogueira.

E, com as mudanças de estações quase chegando, as lojas especializadas em roupas já focam nos vestimentos da temporada outono/inverno.

— Estamos com tudo pronto para o inverno. Novas coleções já estão chegando e esperamos que, mesmo em ritmo lento, as coisas vão melhorar — detalhou a gerente de loja Suellen Silva.

Datas comemorativas 

No primeiro semestre estão três datas em que os empresários apostam suas fichas, a começar pela Páscoa, seguida do Dia das Mães e Namorados. E, para se valerem de resultados positivos, estratégias têm que ser alavancadas para aumentar as vendas.

A presidente da Associação Comercial e Industrial de Divinópolis (Acid), Alexandra Galvão, afirma que o Dia das Mães é considerado como uma das datas comemorativas mais expressivas para o comércio. De acordo com ela, assim como a Páscoa e Dia dos Namorados, o que se espera é que a data contribua para o crescimento das vendas no primeiro semestre de 2021.

— Planejamentos, estratégias, inovações, ações promocionais e otimismo são elementos que fazem parte do dia a dia do lojista, embora enfrentemos um momento delicado em virtude da pandemia do novo coronavírus. Diante deste cenário é importante que o comércio permaneça aberto, seguindo as orientações de distanciamento, uso de máscaras e álcool em gel. Importante também é valorizar o comércio local. Comprando dele, estamos contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico de nossa cidade e preservando os empregos — definiu.

 

 

Comentários
×