Comemorando aniversário

Batendo Bola 

José Carlos de Oliveira 

jcqueroviver@hotmail.com.br  

 

Todo grande clube é feito da união entre todos os seus setores. E dentro deste contexto valorizar a sua torcida e seus parceiros tem sempre que vir em primeiro plano. É a mola mestra que faz com que todos os projetos sigam em frente, alavancando o crescimento do clube como um todo. 

E dentro deste conceito, a nova diretoria do Guarani, comandada hoje por Vinicius Morais, comemora esta semana os 87 anos de lutas e vitórias do clube de Porto Velho, que se deu no dia 20.  

A começar por hoje - com o “Dia de Atleta”- e com programação que valoriza a sua torcida, suas crianças e seus parceiros, a diretoria festeja o aniversário do Bugre lado a lado com seus torcedores.  

Convites à venda 

 O ponto alto das comemorações de aniversário do Bugre vai se dar no dia 20 de outubro, quando acontece o jantar de 87 anos, no Estrela do Oeste Clube, a partir das 20h. Os convites já se encontram à venda e podem ser encontrados com conselheiros do Guarani.   

 MANGUEIRAS BRASIL 

 Mal na Libertadores  

Alguns ainda tentam “tapar sol com peneira”, mas a realidade nos mostra que os brasileiros deram sim foi “mole”, para não dizer vexame, na edição deste ano da Copa Libertadores. Pelos altos salários que pagam a seus jogadores, com orçamentos infinitamente superiores ao de seus adversários, teriam que produzir bem mais do que fizeram. Era uma obrigação de todos eles seguir na disputa. 

 No mesmo barco 

 E que não me venham tentar livrar a cara de ninguém. Todos, absolutamente todos eles (à exceção do Botafogo, que caiu num clássico local frente o Grêmio) têm o que se explicar. 

 Viram o que fez o River? 

 O que será que estão pensando os atleticanos hoje, depois da humilhação que o River Plate impôs ao Jorge Wilstermann, da Bolívia, na noite de quinta-feira? Depois de levar 3 a 0 na altitude, os “hermanos” descontaram com juros e correção monetária, com goleada por 8 a 0 em Buenos Aires. E ainda tinha espaço para mais... 

Nem um golzinho 

 Para quem não fez um golzinho sequer em 180 minutos de jogo frente os bolivianos, os 8 a 0 de quinta-feira são para corar ainda mais a cara dos alvinegros. Como ficou provado agora, não foram os bolivianos que eliminaram os brasileiros, e sim o Atlético que não soube como vencer. Simples assim! 

E agora? 

Pensem bem como fica agora o coração da Massa. Com os times que restaram na disputa – Grêmio, River Plate, Lanús e Barcelona de Guayaquil nas semifinais –, o Galo tinha tudo para conquistar o bi. Elenco e time para isso tem. O que deu errado, então? 

o Santos, hein? 

Mas o maior vexame deste meio de semana foi mesmo o do Santos. Ser eliminado em plena Vila Belmiro, depois de trazer a vantagem do empate com o gol marcado na altitude, foi um golpe muito duro para a torcida praiana. 

 Boa para o Cruzeiro?  

Cruzeiro e Flamengo entram em campo neste final de semana com seus times reservas, nos duelos contra o Avaí e o Atlético Goianiense, pela rodada de número 25 do Campeonato Brasileiro. O rubro-negro contra os catarinenses hoje, no Rio de Janeiro, e a Raposa amanhã em Goiás contra os goianos. Os treinadores poupam seus principais jogadores, já pensando na final de quarta-feira, da Copa do Brasil. Mas a questão de hoje é se foi ou não uma boa para os mineiros, a classificação do Flamengo para a próxima fase da Copa sul-americana... 

 Questão difícil  

Taí algo a se analisar. Se será ou não uma boa para o Cruzeiro ninguém pode afirmar ao certo. Mas uma coisa é certa, com o Urubu seguindo vivo em mais um torneio, que também dá vaga para a Libertadores 2018, será menor a pressão sobre os jogadores do rubro-negro na quarta-feira. Agora, se este detalhe vai ou não ajudar o time mineiro são outros quinhentos. 

Só o futuro dirá. 

Comentários