Colega de partido de Matheus Costa afirma que corte em salários é hipocrisia

Da Redação

Os vereadores Matheus Costa (Cidadania) e Roger Viegas (Republicanos) gravaram um vídeo na porta da Câmara sugerindo a redução pela metade nos salários de todos os 17 da Casa, assessores, prefeito, vice e secretários municipais. Bastou cair nas redes, para iniciar os burbirinhos pela cidade. Sirgiram dezenas de comentários, a favor, é claro, e contra. Mas o que mais chamou atenção deles foi o de um colega de partido de Matheus Costa, Josfá Anderson. Vazou um áudio em que o vereador chama a iniciativa de hipocrisia. Para ele, para os dois vereadores, o corte pode ser de 100% porque ambos têm outros rendimentos.

— Vejo isso como hipocrisia. O que precisa é trabalhar mais e diminuir os vídeos — destacou.

Situação que pode gerar um certo desconforto interno, visto que Matheus e Josafá pertencem ao mesmo partido.

Meta

Os dois vereadores afirmam, na gravação, que o objetivo dos valores retirados dos salários é transferir para o combate da Covid-19 e para a crise econômica, que já começou na cidade, devido ao isolamento social

Com o presidente

A proposta será analisada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Kaboja (PSD). No entanto, vale lembrar que a pretensão dos vereadores não pode ser concretizada, pelo menos neste ano, conforme norma. Matheus Costa deve se lembrar que sua tentativa semelhante no ano passado, caso fosse aceita, só valeria para este ano. A proposta foi entregue no Legislativo e na Prefeitura.

O que é permitido são os vereadores e outros citados receberem normalmente e tirarem do salário com este objetivo.

 

Comentários
×