Cidade já vive clima de bons negócios

Natal Iluminado abre oficialmente as festividades do fim de ano

Jorge Guimarães 

Dezembro ainda não chegou, mas suas tradicionais festas e o tão esperado 13º salário já dão o ar da graça, o que faz a cidade viver o clima do período e aumentar as expectativas  de bons negócios para o fim de ano, por parte dos empresários. Mesmo que a retomada da economia, ainda em momento pandêmico, ocorra em ritmo lento, o varejo já está pronto para as festas e para a estação mais quente do ano, o verão. Pelas ruas centrais da cidade, o comércio transformou suas vitrines e calçadas num misto de Black Friday e Natal. Dessa forma, o consumidor desperta o desejo desta época do ano, o de presentear. No último ano, em razão da pandemia, o Natal foi mais restrito em relação à forma de celebração tradicional. 

— Como passo sempre no Centro, principalmente pela avenida Antônio Olímpio de Morais, fico encantada com os enfeites colocados em frente às lojas. É o espírito de Natal que deveríamos ter o ano inteiro — disse a empresária Ana Beatriz Pecegueiro. 

 

Comércio

A data vai levar quase 124 milhões de pessoas às compras, retornando ao patamar pré-pandemia. Os presentes devem custar em média R$ 123 e a internet será um dos principais locais de compra, é o que aponta pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

Em Divinópolis, os empresários, não só do ramo do varejo, mas de diversos setores como supermercadista e de alimentação, estão confiantes em boas vendas. Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Heider Freitas, o momento é de fortalecer o comércio na retomada econômica.

— Vivemos momentos difíceis. O pior já passou, mas ainda há muito que recuperar, por isso, lançamos a campanha Divino Natal que promete movimentar nossa cidade. E vejo também muito otimismo no meio empresarial em relação às vendas de fim de ano. Creio que elas superem as expectativas de cada segmento — avaliou Heider Freitas.

 

Praticidade

Um dos setores que mais sofreu nos últimos tempos foi o da alimentação. E, neste período de festas, muitas famílias optam por serviços mais práticos e convenientes para esses encontros, sem perder o espírito de celebração. Mas a maioria ainda mantém a tradição de receber seus familiares em casa mesmo, porém, sem precisar gastar muito tempo na cozinha. E há  também aqueles que preferem os barzinhos e restaurantes, para ficar mais à vontade. Seguindo esse raciocínio, os empresários do ramo já estão de olho não só nas festas natalinas e de Ano Novo, mas também nas de confraternizações entre amigos e colegas de trabalho. Assim, já preparam um cardápio especial para cada tipo de situação, sendo que o que não pode faltar é o tradicional amigo oculto.

— Já estamos com nossas listas de reservas abertas para as datas festivas de dezembro. Temos clientes cativos em nossa casa que sempre comparecem em uma delas. Esperamos fechá-la até o início do próximo mês, sempre seguindo as normas de segurança da Vigilância Sanitária em relação à covid-19 — disse o empresário de tradicional casa na cidade, Rolando Meneses. 

E, para agradar a todos os gostos e bolsos, opção é o que não falta. 

— Neste ano vamos fazer o amigo oculto em um churrasquinho lá perto de casa e as comemorações de Natal e Ano Novo em casa mesmo, por respeito à tradição de familiares. O que importa é estarmos juntos e com saúde —  disse a garçonete Luana Alves.

 

Preços

Mas para o clima de festas não se tornar uma dor de cabeça no futuro, o consumidor tem que se resguardar na hora dos gastos.

— A melhor opção nessas ocasiões é a de fazer pesquisa de preços e não comprar por impulso. Se possível, procure dividir as compras entre familiares e não utilizar muito o cartão de crédito, prefira compras com pagamentos à vista. Senão, o início de ano pode ser bem diferente das festas que estão por vir — resume o economista Leandro Maia.

 

Natal Iluminado 

E para aquecer ainda mais o clima, amanhã, na praça do Santuário, numa ação da CDL em parceria com a Prefeitura, acontece o acender das luzes do Natal Iluminado ‒ evento que acontece às 19h, abrindo oficialmente as festividades do Natal. Após a solenidade, haverá uma apresentação musical, que acontecerá das 20h às 21h.

No ano passado, a CDL iluminou a praça da Catedral e, neste ano, em parceria com a Prefeitura, a ação acontecerá na praça do Santuário, que foi toda reformada e ficará ainda mais bonita com a decoração natalina. 

— É o Natal Iluminado trazendo a magia da data aos divinopolitanos — comemorou o presidente da entidade,  Helder Freitas .

 

Carreata do Papai Noel

E no sábado, 27, a CDL de Divinópolis também realiza a tradicional carreata do Papai Noel com saída prevista para as 9h, da sede da entidade. A comitiva passará pela praça da Catedral, avenida 1º de Junho, seguirá pela rua Goiás até a avenida Paraná, em seguida descerá pela rua Pernambuco, virando na avenida Antônio Olímpio de Morais, depois rua Rio de Janeiro até a Rio Grande do Sul, descerá a São Paulo e chegará à Praça do Santuário. A previsão de chegada na praça do Santuário é às 10h30. A carreata conta com o apoio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Settrans.

— Estamos voltando à normalidade, com o comércio aberto e retomando as demais atividades. No entanto, ainda é preciso cautela. Consciente de não promover aglomeração, neste ano, a carreata será sem a tradicional chegada pelos trilhos da VLI, mas, com a mesma magia, o bom velhinho percorrerá as principais ruas da cidade — anuncia Heider de Freitas.

 

Comentários
×