Centro registra dobro de casos de coronavírus em relação ao segundo bairro com mais suspeitas

Números são utilizados para guiar autoridades de saúde no enfrentamento da crise

Matheus Augusto

A movimentação das pessoas nas ruas aumenta as chances de contaminação pelo novo coronavírus (covid-19). Prova disso são os números de suspeitas em Divinópolis. Como esperado, o Centro lidera o índice, com 138 casos registrados. Outros dois bairros que preocupam as autoridades são o São José (63) e o Porto Velho (49).

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) divulgou na última sexta-feira, 22, o relatório de casos notificados de coronavírus por bairro. Na data, Divinópolis contava com 1.933 suspeitas registradas. A região Sudoeste liderava a lista, com 334 notificações, seguida por Sudeste (305), Central (287), Nordeste (216), Noroeste (181), Oeste (118) e rural (13).

Atualização

Atualmente, Divinópolis tem 1.983 notificações de coronavírus. Seguindo as orientações do Ministério da Saúde (MS), devido à escassez de kits de detecção, apenas 345 pacientes tiveram suas amostras coletadas: 148 testaram positivo, 190 negativo e 7 ainda estão em análise. Das confirmações, 119 já se recuperaram da doença. O município permanece com duas mortes.

A Semusa também informou que 16 pessoas com quadro sintomático para a covid-19 estão internadas em setores de enfermaria na rede hospitalar da cidade, enquanto outras 19 ocupam leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI), que tem 47,72% dos leitos ocupados.

Importância

Na oportunidade, o secretário de Saúde, Amarildo Sousa, destacou a importância do acompanhamento diário dos dados na luta para conter o avanço da doença.

— Nossa secretaria sempre buscou a transparência para informar a população e repassar os cuidados básicos a serem seguidos. A partir desse índice é possível verificar quais localidades precisam efetivar as medidas de saúde, mas, também, alertar sobre a veloz disseminação da doença — explicou.  

O secretário ainda voltou a destacar o isolamento social como a medida mais eficaz de transmissão, dada a não existência de vacina ou medicamentos comprovadamente eficazes contra o vírus.

— Pedimos a todos que permaneçam em suas casas e evitem realizar e frequentar reuniões sociais, com amigos e familiares — afirmou.

Por fim, o líder da pasta ainda falou sobre a necessidade de, mesmo com a abertura parcial do comércio, as pessoas respeitarem as medidas de prevenção.

— O isolamento social não é apenas a redução do funcionamento do comércio, seu objetivo é reduzir ao máximo a circulação de pessoas e o contato físico entre elas. Quando um grupo de pessoas, que não mora na mesma residência, se reúne, o isolamento é ineficaz. Quanto mais tempo for gasto para assimilar este fato, mais tempo vamos permanecer nesta situação — concluiu.

Lista

Região Sudoeste: Bela Vista, 18; Belvedere, 44; Casa Nova, 6; Catalão, 33; Chanadour, 9; Dom Pedro ll, 2; Floresta, 3; Geraldo Pereira, 2; Jardim Alterosa, 1; Jardim Copacabana, 7; Jardim das Acácias, 8; Jardinópolis, 21; João Antônio Gonçalves, 5; Morada Nova, 7; Morumbi, 1; Nilda Barros, 3; Pacaembu, 2; Padre Herculano, 3; Planalto, 41; Quintino, 9; Realengo, 6; Santa Luzia, 13; Santo André, 2; São Caetano, 4; São José, 63; São Judas Tadeu, 17; São Miguel, 3; Vivendas da Exposição, 1.

Região Sudeste: Antônio Fonseca, 8; Cidade Jardim, 9; Costa Azul, 1; Davanuze, 6; Dona Quita, 5; Dona Rosa, 12; Elizabete Nogueira, 2; Fonte Boa, 7; Interlagos, 34; Jusa Fonseca, 9; Maria Helena, 14; Maria Peçanha, 5; Nações, 11; Nossa Senhora das Graças, 29; Nossa Senhora de Lourdes, 3; Nova Holanda, 3; Novo Paraíso, 6; Orion, 14; Padre Eustáquio, 3; Paraíso, 4; Ponte Funda, 4; Quinta das Palmeiras, 6; Residencial Fonte Boa, 1; Residencial Lagoa, 1; Sagrada Família, 21; Santa Lúcia, 17; Santa Rosa, 33; Santa Tereza, 8; Santos Dumont, 8; Terra Azul, 3; Vale Do Sol, 13; Vila das Roseiras, 5.

Região Central: Centro, 138; Esplanada, 19; Ipiranga, 15; Jardim Capitão Silva, 1; Jardim Real, 3; L.P. Pereira, 8; Porto Velho, 46; Santo Antônio, 16; Sidil, 23; Vila Belo Horizonte, 15; Walchir Resende, 3.

Região Nordeste: Candidés, 16; Danilo Passos, 24; Del Rey, 2; Distrito Industrial, 1; Dom Cristiano, 5; Espírito Santo, 6; Grajaú, 5; Halim Souki, 4; Icaraí, 39; Ipanema, 1; Itaí, 9; Jardim Candidés, 3; Jardim Das Mansões, 3; José Tomaz, 2; Lagoa Dos Mandarins, 12; Mangabeiras, 4; Manoel Valinhas, 29; Niterói, 16; Nova Suíça, 1; Primavera, 2; São João De Deus, 8; São Lucas, 2; São Luís, 21; São Simão, 1.

Região Noroeste: Afonso Pena, 25; Alto das Oliveiras, 5; Alto São Vicente, 1; Alvorada, 14; Anchieta, 2; Bom Pastor, 1; Industrial, 2; Jardim Candelária, 17; Jardim das Oliveiras, 19; Jardim Nova América, 6; Liberdade, 3; Marajó, 3; Nossa Senhora Aparecida, 1; Nossa Senhora da Conceição, 6; Nova Fortaleza, 3; Osvaldo Machado Gontijo, 4; Prolongamento Bom Pastor, 1; Residencial São Frei Galvão, 2; Santa Clara, 8; Santa Marta, 2; São Sebastião, 9; São Vicente, 1; Serra Verde, 29; Vila Cruzeiro, 2; Vila Romana, 15.

Região Oeste: Areão, 1; Belo Vale, 14; Campina Verde, 16; Dulphe Pinto De Aguiar, 2; Florermida, 4; Jardim Betânia, 2; Jardim Primavera, 2; Rancho Alegre, 12; Santa Cruz, 8; Santo Antônio Dos Campos, 16; São Roque, 20; Tietê, 19; Vista Alegre, 2.

Comentários
×