Câmara reduz em 25% o subsídio dos vereadores da próxima legislatura

Da Redação

A Câmara aprovou em reunião extraordinária desta manhã, o projeto que trata da redução do salário dos vereadores para a próxima legislatura. Inicialmente, o projeto apresentado pela mesa diretora, fixava em um salário mínimo, R$ 1.045,00 (um mil e quarenta e cinco reais), os rendimentos dos parlamentares.

Na reunião extraordinária da semana passada, a vereadora Janete Aparecida apresentou em contrapartida ao projeto, a emenda modificativa que reduz em 25% o subsídio. A emenda foi colocada em votação e aprovada naquela ocasião por 12 votos a 3.

Por causa da falta de quórum, o projeto aprovado hoje não foi apreciado na semana passada. A emenda, para valer,  precisava da aprovação acontecida hoje.

Votação

Com a votação de hoje, o salários do vereadores da próxima legislatura fica no valor de R$ 9.133,23 (nove mil, cento e trinta e três reais e vinte e três centavos). O salário atual está em R$ 12.177,65.

Votaram favoráveis à aprovação do projeto: Adair Otaviano (MDB), Ademir Silva (MDB), César Tarzan (PSDB), Marcos Vinicius (DEM), Nego do Buriti (Patriota), Eduardo Print Junior (PSDB), Josafa Anderson (CDN), Renato Ferreira (PSDB), Raimundo Nonato (Avante), Edsom Sousa (CDN), Janete Aparecida (PSC), Roger Viegas (Republicano) e Zé Luiz da Farmácia (PMN). 

Contrários votaram os vereadores Delano Santiago (MDB), Carlos Eduardo Magalhães (Republicanos) e Matheus Costa (CDN) .

Comentários
×