Barragem, se romper, mata rio Itapecerica

 Há uma suspeita de que, na vizinha cidade de Itapecerica, existe uma barragem de contenção de resíduos tóxicos, em uma empresa local, que, se romper, elimina a vida vegetal e animal do rio Itapecerica. É preciso que vereadores, Comissão de Saúde e Meio Ambiente e Ciência da Câmara Municipal e Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Meio Ambiente de Divinópolis, vá, in loco, acompanhados por técnicos da área, para investigar as reais condições da citada barragem. E depois anunciar para a população de Divinópolis o veredito final.

 Dr. Delano, prudente

 Atento às denúncias que surgem nas redes sociais e que são de interesse da população, o vereador Dr. Delano  (MDB) entrou em contato com a prefeitura de Itapecerica, que lhe explicou que as empresas Gegraf e Bauminas (antiga Eletro Manganês), fincadas na fiscalização da Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), garantem que suas respectivas barragens não oferecem riscos ao município de Itapecerica e nem a Divinópolis..

 Mas...

 Conversando com o vereador Dr. Delano, ontem, 12, na Câmara Municipal, disse a ele que ambas as barragens, através de drenos, poderiam estar poluindo com resíduos tóxicos o rio Itapecerica. Garantiu que vai investigar.

 Galileu tem 688 dias

 Na campanha eleitoral, o eleito prefeito Galileu Machado (MDB) fez promessas consideradas como irrealizáveis diante do quadro de calamidade financeira, antecipado a ele, através do decreto assinado pelo seu antecessor.

Antemão o alcaide já sabia que não teria dinheiro nem para pagar em dia os salários dos servidores municipais, mas mesmo assim prometeu várias obras.

Agora tem apenas 688 dias para cumpri-las, antes de entregar o poder, em 31/12/2020.

 O problema não é Zema, é a herança-1

 Ex-governador petista Fernando Pimentel, ao sair do governo, deixou nos cofres do Estado R$ 108 milhões a que a Prefeitura de Divinópolis tem direito. Já o atual governador Romeu Zema (Novo), além de não pagar a dívida deixada pelo antecessor, já está retendo mais de R$ 21 milhões referentes ao Fundeb, transporte escolar, juros e correções dos atrasos dos repasses. Pedir o impeachment de Zema é a melhor solução? Não creio! As dificuldades em 2019 ainda não são de gestão, mas de herança maldita petista. Se, hipoteticamente, o vice-governador assumisse o governo do Estado, a crise financeira perduraria.

 O problema não é Zema é a herança-2

 Se o ex-governador petista Fernando Pimentel (PT) deixou uma herança maldita para a Prefeitura de Divinópolis, ao reter nos cofres do Estado R$ 108 milhões, para o Governador Romeu Zema (Novo), a herança negativa deixada pelo ex-governador em forma de dívidas passa de R$ 30 bilhões. Segundo o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, a situação do estado é de "falência". Então, confirmando o que escrevi acima “as dificuldades em 2019 ainda não são de gestão, mas de herança maldita petista”.

 Pessoa do ano

 Bolsonaro é escolhido Pessoa do Ano pela Câmara de Comércio Brasil-EUA. Presidente deve receber o prêmio em evento marcado para 14 de maio no Museu de História Natural de Nova York.

 “Você quer me matar, Mourão?”

 “Você quer me matar?”, perguntou brincando Bolsonaro em telefonema ao vice-presidente. A brincadeira foi relatada pelo próprio vice, general Hamilton Mourão

 Na primeira conversa que tiveram desde que se recuperou de um quadro de pneumonia, o presidente Jair Bolsonaro fez uma brincadeira com o vice-presidente.

 Sob críticas dos filhos do presidente por sua postura pública, o general da reserva recebeu uma ligação no sábado, 9, de Bolsonaro, internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo. “Você quer me matar?”, indagou o presidente.

 Sem entender, Mourão, que havia no mesmo dia trocado mensagens com Bolsonaro, questionou o motivo da pergunta. “Eu, neste hospital, e você, no churrasco?”, afirmou, aos risos. O relato da conversa foi feito por Mourão nesta segunda-feira, 11.

 Ele contou que a ligação foi feita trinta segundos depois de, no sábado, 9, ter informado ao presidente, por meio de mensagem escrita, que participaria de churrasco de sua turma da academia militar.

Comentários
×