Autenticidade

Eu tenho amigos jovens, na flor da mocidade, como dizia minha avó. São pessoas belíssimas, cheias de vigor e alegria. Alguns eu convivo todos os dias, outros nunca abracei, mas todos eles têm uma coisa em comum: são autênticos. São pessoas que lutam, tentam, se esfolam, não têm fãs nem seguidores, mas têm pessoas com valores comuns à sua volta.

Eu tenho amigos velhos, com anos de estrada, pode se dizer. Eles são incríveis! São pessoas leves, sem muitas bagagens nos ombros, mas abarrotadas de histórias e experiências que eu não me canso de ouvir. Alguns eu convivo todos os dias, outros nunca abracei, mas todos eles têm uma coisa em comum: são autênticos. Não têm medo de dizer que erraram, se esfolaram, amaram ou perderam seus amores. Eles também não estão interessados em fãs e muito menos em likes, mas em pessoas com valores comuns à sua volta.

Eu tenho amigos budistas, espíritas, católicos e evangélicos. E ouço com prazer quando falam de suas experiências espirituais. Alguns eu convivo todos os dias, outros nunca abracei, mas todos eles têm uma coisa em comum: são autênticos. São fiéis aos seus princípios, aos seus valores e crenças. Nunca quiseram me "arrebanhar". Respeitam a minha escolha como eu respeito as deles. E eles, ah, eles não estão nem aí para o número de likes, o que eles querem mesmo é pessoas com valores comuns à sua volta.

Eu tenho amigo atleticano, cruzeirense, corintiano e flamenguista. E tenho outros que nem gostam de futebol. Alguns eu convivo todos os dias, outros nunca abracei, mas todos eles têm uma coisa em comum: são autênticos. São eles mesmos, com seus defeitos, jeitos e qualidades tão únicas. Eles não estão preocupados com o número de fãs ou adeptos. Eles só querem pessoas que os respeitem e que tenham valores comuns.

Eu tenho amigo escritor, cantor, ceramista, poetas e poetisas de verdade. Alguns são famosos, outros nem tanto. Alguns deles têm fãs e seguidores, outros ainda estão no anonimato, mas uma coisa eles têm em comum: o talento é deles. Não roubaram de ninguém.

Talento é propriedade privada. É bem! Não se sobe ao palco com o talento alheio. E se tem uma coisa que me faz tirar alguém desta minha lista de amigos é quando eu descubro que algum deles, qualquer um que seja, quer se dar bem usando o talento de outros. Autenticidade é tudo! Sem ela, sem lista.

leila@leilarodrigues.com.br

Comentários
×