Atlético terá reforços que já estão na Cidade do Galo

José Carlos de Oliveira

A era Jorge Sampaoli no Atlético ainda demorará um bom tempo para começar. Com a pandemia da Covid-19 todos os jogadores entraram de férias ontem e só retornam à Cidade do Galo no dia 20, mas com o tempo parado pode ser ainda mais longo. Com as férias forçadas, a massa alvinegra terá que esperar mais algumas semanas para ver em ação o time que será montado pelo novo comandante.

Reforços da casa

Para a volta das férias forçadas, o Galo já poderá contar com pelo menos dois reforços, atletas que já estavam no clube. Fora de ação há mais de dois anos, o volante Gustavo Blanco já começou os trabalhos e fica à disposição do treinador. O mesmo acontece com o jovem atacante Bruno Silva, que se contundiu no início do Campeonato Mineiro. A informação foi confirmada ontem em live do departamento médico, comandado pelo médico Rodrigo Lasmar.

Dispensas

Ao mesmo tempo em que entregou uma lista de reforços para a diretoria, Jorge Sampaoli também solicitou ao clube que reduza o atual elenco de jogadores, que hoje conta com 34 jogadores. Aliado à necessidade de cortar custos, a direção alvinegra tentará chegar a um acordo para dispensar alguns atletas, e entre eles estariam os atacantes Ricardo Oliveira e Di Santo. 

Na mesma situação de Ricardo Oliveira e Di Santo está o atacante Clayton. O jogador tem contrato até o fim deste ano e vinha treinando separado na Cidade do Galo no início desta temporada, depois que voltou de empréstimo do Vasco. Os volantes Zé Welison e Ramón Martínez e o lateral esquerdo Lucas Hernández também estariam na lista de dispensa. 

Por outro lado, o presidente Sérgio Sette Câmara já declarou em entrevista que busca quatro reforços para entregar a Sampaoli. Na lista estariam um zagueiro, um meio-campista, um atacante de lado de campo e um centroavante.

Comentários
×