Atlético perde nos pênaltis e é eliminado da Copa do Brasil

José Carlos de Oliveira

O Atlético deu adeus ao sonho do bicampeonato e do prêmio milionário da Copa do Brasil, de mais de 63,7 milhões de reais para o campeão de 2018, somadas as premiações de todas as fases.

No confronto de volta das oitavas de final, contra a Chapecoense, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá, em Chapecó, o alvinegro mineiro ficou no empate sem gols com os donos da casa. Como no jogo de ida, em Belo Horizonte, o placar também ficou na igualdade em 0 a 0, a disputa foi para a cobrança de pênaltis. Aí os catarinenses foram mais felizes e venceram por 4 a 3.

Além da desclassificação, o Atlético deixou de ganhar mais R$ 3 milhões só pela vaga para as quartas de final. Já o time catarinense, que avançou pela primeira vez na sua história para esta fase do torneio, agora aguarda pelo sorteio para conhecer o próximo adversário.

Para o restante da temporada o Atlético só terá o Campeonato Brasileiro para disputar. No final de semana, no sábado, 19, às 16h, na Arena Independência, o Galo faz clássico contra o Cruzeiro, em jogo válido pela sexta rodada do Brasileirão.

Disputa de pênaltis

Ricardo Oliveira abriu a série de cinco penalidades máximas e desperdiçou a primeira cobrança do Atlético. Jandrei caiu no canto e espalmou. A bola ainda bateu na trave. Na sequência, a Chapecoense não perdeu nenhuma e converteu com Wellington Paulista, Luiz Antônio e Nadson. Pelo lado alvinegro, Luan e Leonardo Silva também balançaram as redes. Na quarta cobrança atleticana, Róger Guedes chutou para fora e dificultou as coisas para o Galo.

Na sequência, Victor chegou a defender o chute de Bruno Pacheco, alimentando a esperança da torcida alvinegra de mais uma virada. Rafael Thyere também precisaria errar para a decisão da vaga ir para as cobranças alternadas, mas o zagueiro converteu e classificou o time de Chapecó para as quartas de final.

Detalhes da Partida

Jogo: Chapecoense 0 (4) x (3) 0 Atlético

Motivo; Partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil

Data: 16 de maio de 2018, quarta-feira, às 19h30

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Cartão Amarelo: Patric, Fábio Santos (Atlético); Wellington Paulista (Chapecoense); Cartão Vermelho: Fábio Santos (Atlético)

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP) - Auxiliares: Rogério Pablos Zanardo (SP) e Daniel Luís Marques (SP)

Público: 8.597 presentes - Renda: R$ 195.620,00

Chapecoense: Jandrei; Apodi, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral, Márcio Araújo e Canteros (Nadson); Guilherme (Luiz Antônio), Arthur Caike (Bruno Silva) e Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina

Atlético: Victor; Patric, Leonardo Silva, Bremer e Fábio Santos; Adilson (Luan), Gustavo Blanco (Elias), Cazares, Otero (Erik) e Róger Guedes; Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi

Comentários
×